Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Página 4 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Edson F. em Qui 25 Abr 2013 - 16:48

-Foi um vampiro, fui atacado por um ontem!
-Pois bem, é isso, se for rir, por favor me poupe, pois tenho mais o que fazer!
Para surpresa de Jhon, o delegado não ri, não expresse nem uma ação esperado por Jhon, apenas baixa a cabeça, fica um tempo em silêncio. Se levanta e vai novamente até a janela. E começa a falar, sem se virar para Jhon.

- Tive medo que dissesse algo do tipo, porque no fundo eu sabia que existiam, e agora tudo ficou claro para mim. Se na sua ficha tivesse algo sobre, sei lá, que você bateu a cabeça eu não sei se acreditaria, mas como não tem nada disso, agora eu acredito. Há alguns anos atrás minha esposa foi vítima dessa criatura, quer dizer, não sei se foi a mesmo, mas desde então suspeito de vampiros, as vítimas de agora não tem furos no pescoço, mas na minha esposa tinha, não sei o porque, não é fácil encontrar informações sobre essas criaturas, mas quando esses ataques começaram, sabia que não era nem um serial killer comum, torci para ser escalado para a investigação, mas sabiam que eu iria me envolver emocionalmente nisso, porque no começo tudo indicava que era o mesmo assassino da minha esposa. Então fiquei de fora, mas após o delegado Rick ser morto, e claro, depois de muito insistir, assumi o caso.

O delegado faz uma pausa, ainda continua olhando pela janela, ao longe, vê mais nuvens de chuva se aproximando. Jhon é quem foi pego de surpresa, mal desconfiava que era o delegado quem guardava um segredo e não ele. O delegado se vira, encara Jhon com a expressão mais séria possível.

- Então Jhon, diga-ma quais seus planos para capturar a criatura, se for preciso darei minha vida para acabar com isso. Agora é pessoal.

O delegado não tem cara de quem está brincando, agora sim o assunto é sério, isso soa até como um alívio para Jhon, alguém com quem possa compartilhar sua caçado e seus planos, mas também será necessário ensinar algumas coisas ao novado, ele tem preparação de policial, mas não está mais atrás de um marginal qualquer, agora está numa caçada contra um vampiro, uma criatura poderosa, com força sobre humanas, velocidade incomparável, e com muita experiencia devido a sua grande preparação e sua avançada idade.




Fala
Ação
Pensamento



avatar
Edson F.
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 08/07/2012
Idade : 26
Localização : Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Joselito em Sex 26 Abr 2013 - 10:34

Já esperava o repudio do delegado, acharia difícil alguém engolir esse historia assim, era como dar um soco em tudo que ele acreditava, e dizer que tudo que viveu até hoje não passava de uma ilusão, uma triste ilusão.

Mais, incrivelmente ele não ri, a expressão inalterada dele e o leve baixar de cabeça me faz o encarar com surpresa, ele se levantava e ia em direção a janela e então ouvia algo que me fazia respirar aliado e ao mesmo tempo me assustava.

Spoiler:
- Tive medo que dissesse algo do tipo, porque no fundo eu sabia que existiam, e agora tudo ficou claro para mim. Se na sua
ficha tivesse algo sobre, sei lá, que você bateu a cabeça eu não sei se acreditaria, mas como não tem nada disso, agora
eu acredito. Há alguns anos atrás minha esposa foi vítima dessa criatura, quer dizer, não sei se foi a mesmo, mas desde
então suspeito de vampiros, as vítimas de agora não tem furos no pescoço, mas na minha esposa tinha, não sei o porque, não
é fácil encontrar informações sobre essas criaturas, mas quando esses ataques começaram, sabia que não era nem um serial
killer comum, torci para ser escalado para a investigação, mas sabiam que eu iria me envolver emocionalmente nisso, porque
no começo tudo indicava que era o mesmo assassino da minha esposa. Então fiquei de fora, mas após o delegado Rick ser morto
, e claro, depois de muito insistir, assumi o caso.

Uau, não conseguia esconder minha cara de espanto ao ouvir tudo que ele acabara de falar, eu pensava ter golpeado sua realidade ao abrir o jogo com ele, mais quem acabou sendo golpeado foi eu, ele virava e continuava a falar.

Spoiler:
- Então Jhon, diga-ma quais seus planos para capturar a criatura, se for preciso darei minha vida para acabar com isso.
Agora é pessoal.

Ele parecia convencido a entrar em um mundo novo, por mais que fosse um policial experiente seu treinamento pouco lhe ajudaria ao se tratar dessas criaturas, ele sem duvidas precisaria de treinamento, informações sobre o que estava enfrentando, e que a partir de agora sua vida sofreria mudanças da qual jamais teria controle, estava entrando no meu mundo, um mundo em que a morte lhe acompanha todos os dias, e seu inimigo e um ser que já a venceu.
Com certa dificuldade me sentava na cama, passava a mão no rosto e ainda surpreso olhava para ele e com a voz calma dizia.

-Eu sinto muito pela sua perda meu amigo, aqui não poderei de dar mais informações.

Me levantava com dificuldade, algumas dores ainda incomodavam, não havia nada serio o bastante para me manter no hospital, precisava voltar para minha casa, e ficar em repouso, seria o período ideal para ensinar um pouco ao novato, me arrumava ia até a equipe que me atendeu dava os parabéns pelo trabalho e os agradecia pelo ótimo atendimento, olhava para o delegado e dizia.

-Bom, vou para casa, se quiser saber de mais alguma coisa, sabe bem onde moro.

Chamava um taxi, mesmo se o delegado fosse junto me manteria calado a viagem toda, lembrar do ocorrido me fazia ter calafrios, o quão perto tinha chego da morte era assustador.
avatar
Joselito
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 252
Data de inscrição : 02/10/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Edson F. em Sex 26 Abr 2013 - 12:19

Com um pouco de dificuldades Jhon se levanta, sabe que já pode ir para casa, só precisa de repouso. O delegado o acompanha, Jhon fala com a equipe que o atendeu e recebe alta.
-Bom, vou para casa, se quiser saber de mais alguma coisa, sabe bem onde moro.
- Tenho que preencher uma papeladas, assim que puder vou à sua casa. Melhoras Jhon, e boa sorte para nós.

Jhon pega um táxi enquanto Jean conversa com alguns policiais. Durante o caminho para casa Jhon permanece pensativo, sobre sua nova vida, chegou muito perto da morte, nunca pensou que seria tão difícil capturar um vampiro, se não fosse pelo desconhecido, agora estaria morto.

Chegando em casa, vê que o lugar está uma bagunça, mas se sente cansado e dolorido, depois que se recuperar dará um jeito na casa. Não há muito o que fazer, apenas observar alguns vídeos, descansar, assistir filme, qualquer outra coisa, por hora a caçada está cancelada, talvez até tenha que procurar outro vampiro depois, se o lobo tiver pego esse.




Fala
Ação
Pensamento



avatar
Edson F.
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 08/07/2012
Idade : 26
Localização : Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Joselito em Dom 28 Abr 2013 - 0:19

A viagem era rápida e silenciosa, queria apenas descansar, chegava em casa e me deparava com o estrago que a luta causou, mais agora não queria pensar nisso, apenas pensava em sentar e relaxar um pouco.

Olhava as câmeras a procura de algo que pudesse me ajudar, talvez outro alvo em potencial, afinal se o garu o encontrou não restaria muita coisa dele pra estudar e já que a caçada iria demorar um pouco pra que pudesse voltar a ativa, teria tempo de estudar mais um futuro alvo.
avatar
Joselito
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 252
Data de inscrição : 02/10/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Edson F. em Qua 1 Maio 2013 - 10:14

Mal chega em casa, e sua compulsão pela caça a vampiros começa, Jhon olha as câmeras a procura de outro possível alvo. Volta algumas filmagens e ainda vê quando o vampiro sai e o lobo atrás dele, não consegue ver muita coisa, logo eles se afastam da cidade. Jhon não encontra mas nada em seus vídeos, passa horas olhando, nada aparece. Não sente tanto a necessidade de dormir, mas por se sentir dolorido acha melhor abrir uma exceção, e vai se deitar. Não tem bons sonhos, se vê correndo pela cidade, com um lobo enorme atrás, e mais uma vez lembra daquele enorme Hispo, marcado pelo ódio, como na cena de um filme, quem tenta fugir sempre acaba caindo, e Jhon cai, nessa hora o Hispo pula sobre ele e...

Jhon acorda, suado, ofegante, olha para o relógio, são quase 13:00 hrs, dormiu como uma pessoa comum. Alguém está chamando do lado de fora. Depois do sonho, não seria paranoia ver antes quem chama, mas lembra que as câmeras da casa estão quebradas, obra do vampiro, então recorre ao velho método de pergunta quem é, mas com a arma em mãos. É o delegado, Jean. Ele entra.


- Nossa, sua casa está meio bagunçada. Não sou nem uma faxineira, mas se você quiser posso fazer alguma coisa aqui.

Sem esperar respostas o delegado, coloca alguns móveis no lugar e junta algumas coisas espelhadas.

- Pronto. Então, você está pronto para começarmos nosso dever de casa? Quero saber tudo o que você sabe sobre essas... "criaturas" - o delegado ainda se nega a falar o nome vampiro - e como podemos mata-las.

Ele parece decidido a enfrenta-lo, embora corra grande risco, Jhon tem sua preparação e entende de tudo, e pode-se dizer que venceu a morte, porque agora era para estar morto, fora salvo por pura sorte, por um lobo que estava no lugar certo na hora certa.




Fala
Ação
Pensamento



avatar
Edson F.
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 08/07/2012
Idade : 26
Localização : Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Joselito em Qua 1 Maio 2013 - 20:57

Eu não sei porque, mais dormi, fazia tanto tempo que não dormia que nem lembrava da ultima vez, e depois de hoje, não pretenderia voltar a dormir nunca mais, um pesadelo, era perseguido pelo hispo, e como naqueles filmes cretinos, onde sempre o mocinho tropeçava de forma pitoresca e caia dando assim mais aflição a cena, eu também caia, ele pulava em cima de mim então acordava assustado e suado, mais a porta não me deixar pensar no sonho.

Alguém chamava a porta, com as câmeras quebradas tinha que recorrer ao método tradicional, era o delegado, abria a porta e o convidava a entrar.

Spoiler:
- Nossa, sua casa está meio bagunçada. Não sou nem uma faxineira, mas se você quiser posso fazer alguma coisa aqui.

Sem mesmo eu responder ele já dava um jeito no "grosso" da bagunça, iria contratar uma empresa de limpeza para dar um jeito nisso depois, então ele continua.

Spoiler:
- Pronto. Então, você está pronto para começarmos nosso dever de casa? Quero saber tudo o que você sabe sobre essas... "criaturas" - o delegado ainda se nega a falar o nome vampiro - e como podemos mata-las.

Ele estava ansioso, o primeiro passo que ele precisava entender é que se agisse por impulso acabaria como uma bela refeição, e essa seria a mais difícil lição, passava a mão no rosto e dizia calmamente.

-A primeira coisa meu amigo.

Dava uma pausa, respirava fundo e o convidava a sentar, arrumava o sofá de onde fui arremessado na luta que aconteceu a horas atras.

-Eles são mestres na vingança, afrontar ele diretamente é burrice. Como pode ver, não é inteligente tentar algo assim, mesmo que ache que esta em vantagem, você jamais estará.

Apontava para o local, mostrando a destruição feita pela luta, estava cansado e apos uma longa respiração dizia.

-Ai que esta o problema, só conheço 3 coisas que os mate, 1° a luz do sol, mais como acho difícil convencer eles irem por boa fé ao sol, é praticamente impossível usar desse meio, 2° fogo, e 3° cortando suas cabeças, nessas duas as dificuldades são acerta-los ou captura-los para conseguir fazer isso...a maioria tem seculos de vida!

Olhava para e esperava algum sinal de que estava compreendendo aonde estava entrando.
avatar
Joselito
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 252
Data de inscrição : 02/10/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Edson F. em Qui 2 Maio 2013 - 7:38

-Ai que esta o problema, só conheço 3 coisas que os mate, 1° a luz do sol, mais como acho difícil convencer eles irem por boa fé ao sol, é praticamente impossível usar desse meio, 2° fogo, e 3° cortando suas cabeças, nessas duas as dificuldades são acerta-los ou captura-los para conseguir fazer isso...a maioria tem seculos de vida!
O delegado permanece um tempo em silêncio, tentando processar tudo o que foi dito, por fim fala:

- Achei que uma estaca no coração resolvia, alho, água benta, bala de prata...

O primeiro pensamento de Jhon é o que estava fazendo, o cara parece que está no primário na aula de vampiros, agora tem certeza, a TV realmente deixa as pessoas alienadas e ignorantes, ele devia ter assistido muitos filmes de vampiros, pena que isso é tempo perdido, nada de filme vai ajudar muito.

- Precisamos de um facão, álcool, com uma garrafa e um pano posso garantir o fogo. Precisamos tentar atrai-lo, ter uma possível isca. Você sugere alguma coisa ou precisa de algo? Ahh, e também precisamos saber onde ele estar.

Esse era o "xis" da questão, saber onde ele estava, e se ainda estava, levando em conta o tamanho do Hispo, nas câmeras Jhon não conseguiu ver nada, nem conseguiu encontrar outro vampiro, o Hispo deve ter assustado a todos. Enquanto está concentrado pensando seu velho hábito volta, e começa a estalar os dedos, sem nem ao menos perceber isso.




Fala
Ação
Pensamento



avatar
Edson F.
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 08/07/2012
Idade : 26
Localização : Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Joselito em Sex 3 Maio 2013 - 9:20

Spoiler:
- Achei que uma estaca no coração resolvia, alho, água benta, bala de prata...

Era inevitável, imediatamente coçava a sobrancelha, a mídia fazia uma alusão tão forte a esses seres mitológicos que era muito difícil alguém ter alguma informação verdadeira sobre eles, apesar de me perguntar se realmente o que estava fazendo era correto ficava imaginando se não tivesse nascido no meio sobrenatural talvez tivesse os mesmos pensamentos dele sobre esse assunto, apesar disso era frustrante imaginar que teria que ensinar tudo a ele.

Spoiler:
- Precisamos de um facão, álcool, com uma garrafa e um pano posso garantir o fogo. Precisamos tentar atrai-lo, ter uma possível isca. Você sugere alguma coisa ou precisa de algo? Ahh, e também precisamos saber onde ele estar.

Fazia um leve alongamento puxando os braços por trás da cabeça, fazia isso nos dois braços e depois levantava, e indo atrás do sofá em que eu mesmo estava sentado apoiando a mão sobre o encosto dizia.

-Esse é o problema meu caro, encontrar eles é uma missão tão difícil quanto matar eles, eles são imortais e especialistas na arte de se misturar, não faço ideia de onde possamos encontra-lo, e tem mais.

Respirava fundo, passava as mãos no rosto e continuava.

-Não pretendo matar ele! Tenho que estudar sua anatomia, descobrir meios mais eficiente de acabar com eles! Esses métodos que conhecemos são muito arriscados, e como pode perceber, se algo sai errado suas chances de morte são superiores a 95%, não queo correr esse risco sempre que quiser eliminar uma dessas pragas.

Dava uma leve pausa para ver a reação do policial então continuava.

-Tenho certeza que sou capaz de achar meios mais eficazes de eliminar essas criaturas se tiver uma espécie para estudo!

Eu não tinha duvidas que conseguiria descobrir isso, e muito mais, seria imortal, seria uma espécie melhor que eles, eu seria a evolução da espécie humana!
avatar
Joselito
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 252
Data de inscrição : 02/10/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Edson F. em Sex 3 Maio 2013 - 21:31

-Não pretendo matar ele! Tenho que estudar sua anatomia, descobrir meios mais eficiente de acabar com eles! Esses métodos que conhecemos são muito arriscados, e como pode perceber, se algo sai errado suas chances de morte são superiores a 95%, não quero correr esse risco sempre que quiser eliminar uma dessas pragas.
Jean fica calado por um tempo analisando tudo mentalmente. Por fim fala:

- Pesquisar a anatomia deles? Sei que essas "criaturas" são fortes e... e... sei lá, um monte de coisas, são monstros, matar já é difícil, se não impossível, e você pretende capturá-lo vivo para pesquisa?

Ele anda de uma lado para outro preocupado, não acredita no que acabou de ouvir, e se nada disso der certo? E se a criatura escapar e ficar ainda mais selvagem?

- Não consigo entender isso. Já é difícil apenas localizar "isso", matar nem se fala. Mas capturar vivo?! - Ele dá uma risada - Isso é piada não é Jhon? Você deve ter algum plano brilhante para isso ou sei lá, você deve ter alguma habilidade sobre humana também, porque não vejo possibilidade de capturar "isso" vivo.

Ele continua indo de um lado para outro, seus pensamentos estão uma verdadeira tempestade, é muita coisa para processar, a pouco tempo teve a confirmação de que vampiros existiam, e agora pretende entrar em uma caçada, mas não para matar, mas para capturar um vampiro, para pesquisa, para quê pesquisar isso? Qual o objetivo disso? O que Jhon tem a ganhar? Procurar métodos de tortura, pesquisar seus pontos fracos. Esses seres são praticamente deuses, são imortais... imortais.

É isso, talvez Jhon queira pesquisar isso a fundo, faturar alto com essas pesquisas avançadas? Não, se tornar imortal, ser uma nova criatura, uma mutação, vampiro-humano, nem uma raça nem outro, mas a misturas das duas, sendo assim seus pontos fracos serão cobertos pelo DNA um do outro, uma criatura nova e mais forte.

Jean olha para Jhon, não acredita que ele esteja mesmo pensando nisso, mas porque não? Se tornar um ser mais forte. Mas é perigoso, tanto para ele quanto para a sociedade. Isso não seria bom. Ele olha para Jhon. Um olhar penetrante como se tentasse entrar em sua mente para descobrir algo.

- Bom, eu tenho outras coisas para fazer e preciso pensar e planejar algo. Sei que você também tem muita pesquisa para fazer até encontrar essa "coisa", então acho que já vou indo, o que você encontrar ou precisar e só me ligar. - Ele pega um cartão na carteira e entrega a Jhon. - Até mais Jhon.

Percepção 2 + Investigação 0 = 2:
Jhon rolou 2 dados de 10 lados com dificuldade 6 para micro expressão que resultou 10, 10 - Total: 2 Sucessos

O delegado não é o único inteligente na sala, pelo seu rosto, o modo como fala, como se movimenta, e cada micro expressão parece dizer o que o delegado pensa, de repente ele ficou tenso, preocupado, com certeza pensou algo, e não foi nada bom para Jhon, e nesse momento, Jhon sabe que não dá mais para confiar no delegado, não sabe do que ele é capaz, talvez atrapalhe, talvez dê um jeito de sabotar o plano de Jhon, ou também talvez não faça nada, mas há muito talvez nisso tudo. Precisa mudar essa situação, o delegado pode ser um risco para ele. Não sabe com toda certeza o que ele pensou, mas sabe que nada lhe será favorável agora, algo precisa ser feito, e rápido.




Fala
Ação
Pensamento



avatar
Edson F.
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 08/07/2012
Idade : 26
Localização : Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Joselito em Seg 6 Maio 2013 - 12:06

Spoiler:
- Pesquisar a anatomia deles? Sei que essas "criaturas" são fortes e... e... sei lá, um monte de coisas, são monstros, matar já é difícil, se não impossível, e você pretende capturá-lo vivo para pesquisa?

Observava a tensão em seu olhar, ele parecia desacreditar em tudo que dizia, então continuava.

Spoiler:
- Não consigo entender isso. Já é difícil apenas localizar "isso", matar nem se fala. Mas capturar vivo?! - Ele dá uma risada - Isso é piada não é Jhon? Você deve ter algum plano brilhante para isso ou sei lá, você deve ter alguma habilidade sobre humana também, porque não vejo possibilidade de capturar "isso" vivo.

Ele continuava tenso, andava de um lado para o outro tentando raciocinar, para quem acabara de chegar nesse mundo ele “achava demais”.

Spoiler:
- Bom, eu tenho outras coisas para fazer e preciso pensar e planejar algo. Sei que você também tem muita pesquisa para fazer até encontrar essa "coisa", então acho que já vou indo, o que você encontrar ou precisar e só me ligar. - Ele pega um cartão na carteira e entrega a Jhon. - Até mais Jhon.

Derepente uma mudança, seu semblante saia de uma tensão extrema, parecia que uma luz tinha pairado em sua mente, ele parecia ter descoberto uma possivel resposta para todas as perguntas que ele mesmo havia feito, e isso não me parecia nada bom, sua reação também mudava, agora queria sair, parecia que ele mesmo já tinha plano para o novo mundo em que lhe foi revelado, não sabia ao certo o que ele tinha pensado, era pouco provavel que tivesse “descoberto” meus planos na sua captura.

-Meu caro, primeiramente, não estou te pedindo ajuda para “capturar” nada, apenas lhe tirei a venda que esteve sobre seus olhos desde que nasceu, sou tão humano quanto você, tenho que trabalhar parar conquistar meus objetivos assim como você, então meu caro, lembre quem é o inimigo, e que você não sabe ABSOLUTAMENTE nada sobre eles, não banque o heroi, seria tragico a morte de dois delegados em menos de uma semana.

Não tinha tom de ameaça em minha voz, já não sabia o que ele pretendia, ele deixara de ser um aliado, pelo menos por enquanto, sabia que ele tinha algo em mente, e so isso já era preocupante, ele não sabia como imobilizar essas criaturas, não sabia que uma estaca em seu coração os paralisavam por completo e achava melhor continuar assim, se ele tentasse prender essas criaturas de qualquer outra forma, ele seria morto antes mesmo de falar algo.

Assim que ele saia fechava a porta, isso me fazia criar coragem e começar a “arrumação” na casa, principalmente nas cameras de segurança, afinal, agora mais do que nunca tinha que ter minha casa sobre vigilancia, apos arrumar a casa, veririficar por cada lugar que o delegado esteve e via se ele não deixou nenhum sistema de monitoração na minha casa, na verdade, fazia uma varredura completa!

Apos me certificar que a casa esta “limpa”, ia em meu laboratorio, usava a entrada localizada no meu quarto, afinal ele sempre estava com a porta fechada, lá via as fitas e so por precaução, marcava o delegado, precisava saber seus passos a partir de agora!.
avatar
Joselito
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 252
Data de inscrição : 02/10/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Edson F. em Ter 7 Maio 2013 - 17:14

-Meu caro, primeiramente, não estou te pedindo ajuda para “capturar” nada, apenas lhe tirei a venda que esteve sobre seus olhos desde que nasceu, sou tão humano quanto você, tenho que trabalhar parar conquistar meus objetivos assim como você, então meu caro, lembre quem é o inimigo, e que você não sabe ABSOLUTAMENTE nada sobre eles, não banque o herói, seria trágico a morte de dois delegados em menos de uma semana.
Destreza 2 + Ofícios 0 = 2:
Jhon rolou 2 dados de 10 lados com dificuldade 6 para consertar que resultou 10, 3 - Total: 1 Sucesso

O delegado não fala nada, apenas se vira e vai embora. Sozinho, Jhon não tem muito o que fazer, a não ser dá uma arrumada nas coisas e depois ir para sua sala secreta. Ele não consegue consertar todas as câmeras, alguma estão muito danificadas, o vampiro literalmente esmagou as câmeras com as mãos, apenas a câmera da frente da casa não sofreu grandes danos, isso já é bom, pois o principal é saber quem está do lado de fora, já as de dentro de casa deverão ser substituídas assim que possível. Após terminar toda a arrumação Jhon vai para seu laboratório. Ele dá mais uma olhada em alguns vídeos e marca o delegado, precisa saber o que ele planeja, o que está fazendo. Não encontra mais nem um rastro do vampiro, de nem um vampiro.

Jhon vê que alguém chama lá fora. Olha pela câmera que acabara de concertar e fixar do lado de fora. É o homem que correu atrás do vampiro, o Lobisomem. Jhon não esperava por essa visita, não tão cedo. O que ele quer? Será que já terminou com o vampiro? Isso cheira a mais problemas...




Fala
Ação
Pensamento



avatar
Edson F.
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 08/07/2012
Idade : 26
Localização : Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Joselito em Qua 8 Maio 2013 - 8:37

De forma cansada e lenta eu começava a arrumar o que podia, não era bom tão bom nisso, mais sabia me virar, passava algumas horas nesse "servicinho", o delegado tinha me tirado a paz, não saber o que ele estava planejando me deixava apriensivo, com toda certeza se não tivesse arrumando a casa meus estaria estalando os dedos inquietamente, finalmente dava um tapinha em tudo, para minha sorte a camera em frente a casa voltava a funcionar, as internas teriam de ser trocadas, mais isso não dava pra ser feito agora.

Finalmente no laboratorio apos um dia cheio, aqui sem duvida era o lugar da casa que mais me acalmava, talvez pelo fato que sera aqui que buscarei meus objetivos, seila, viajava em meus pensamentos quando sou interrompido, havia alguem lá fora, a camera a pouco concertada me ajudava a identificar e para minha surpresa, era o garu, o mesmo que me "salvara" a vida e espantou "aparentemente" todos os vampiros da cidade, isso me cheirava a problemas.

Calmamente ia até a saida que dava em meu quarto, fechava a passagem para o laboratorio e ia até a sala, um pensamento me deixava mais tranquilo, afinal se ele quisesse me matar sem duvida não bateria na porta, ele não precisaria fazer "media", afinal, acabou de botar um vampiro que já estava pra me matar pra correr, respirava fundo e abria a porta.


-Entre meu caro, sente-se, em que posso ajudar?

Tentava demonstrar calma, sabia que não iria querer me matar, e caso quisesse isso eu sabia que lutar, gritar ou mesmo esperniar não faria a menor diferença.
avatar
Joselito
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 252
Data de inscrição : 02/10/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Edson F. em Qua 8 Maio 2013 - 17:06

-Entre meu caro, sente-se, em que posso ajudar?
Mal espera Jhon terminar de falar e ele já vai entrando na casa. Vai logo ao assunto.

- Para minha vergonha, preciso admitir. Preciso de você para matar o Chester. Seu sangue os atrai, você será a isca para eu poder mata-lo. E quero saber o quanto você sabe de vampiros, e porque o estava caçando. Quero que conte-me sua história garoto.

Sem sombra de dúvida, por essa Jhon não esperava mesmo. Não acredita que aquele enorme Hispo que saíra atrás do vampiro, agora mesmo estava falando com Jhon que precisa de sua ajuda. Sem dúvida aquele vampiro é mesmo um dos melhores, provavelmente tem milhares de anos, sua experiência supera a de qualquer humano, e provavelmente a do Hispo. O homem a sua frente tem uma forma rígida, de alguém que não brinca em serviço e que leva tudo a sério, e deixou o vampiro escapar. Ainda lembra de seu olhar pouco antes de ir atrás do sangue-suga, puro ódio.




Fala
Ação
Pensamento



avatar
Edson F.
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 08/07/2012
Idade : 26
Localização : Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Joselito em Qui 9 Maio 2013 - 8:37

Spoiler:
- Para minha vergonha, preciso admitir. Preciso de você para matar o Chester. Seu sangue os atrai, você será a isca para eu poder mata-lo. E quero saber o quanto você sabe de vampiros, e porque o estava caçando. Quero que conte-me sua história garoto.

Deixava nítido que estava estupefato com o que acabara de ouvir, olhava para ele quase que desacreditando no que acabava de ouvir, levava uns segundos processando a informação, e fazia um repasse mental de tudo que acabei de ouvir, o vampiro tinha escapado mesmo ferido e provavelmente com uma reserva de sangue incompleta, ele fugiu de um poderoso hispo, com certeza ele era poderoso, sabia que o sangue dos vampiros se tornava mais poderoso com o tempo, e isso poderia facilitar muito as minhas pesquisas, era a chance de ter um aliado que realmente pudesse me ajudar.

-Ou, ou, ou, calma ai, isca? Você acabou de falar que o deixou escapar mesmo ele estando ferido e agora que me usar de isca? O que ganho com isso cara!

Sabia que estava arriscado ao falar assim, mais sabia que demonstrando medo ele usaria disso para tudo, eu morto não poderia o ajudar, afinal vampiro gosta de sangue fresco e no caso do meu , direto da fonte, sabia que o vampiro tinha levado essa caçada a mim para o lado pessoal e que com toda certeza viria atrás de mim de novo, girando em torno do hispo dizia.

-Caso aceite sua oferta, tenho uma “condiçãozinha” meu caro, já que vou arriscar minha vida, o quero “vivo”, quero que apenas paralise ele com algo que perfure seu coração! Preciso conhecer melhor a anatomia desses seres, para que eu, assim como você, consiga enfrenta-los também com alguma vantagem, há anos pesquiso sobre eles, mais nunca consegui um exemplar para estudar, com um eu conseguiria achar formas muito mais eficiente para eliminar essas pragas da face da terra.

Tudo que fazia era para chegar a esse objetivo, me tornar medico, para ter acessos a medicação e a pesquisas, abrir os hospitais que além de fonte de renda me permitia comprar coisas que para cidadão comum seria muito mais difícil, e até mesmo minha pesquisa, me tornar imortal seria o único meio que conseguir eliminar todos os vampiros da face da terra, assim lutaria com eles de igual pra igual, ou melhor, com vantagens gritantes, já que poderia caçar eles durante o dia com amplos poderes!

Olhava para o Garu com um olhar serio, isso não era um piada e queria deixar isso claro, eu iria correr um risco absurdo sendo usado como isca, afinal, se ele o deixasse “escapar” de novo era bem provável que minha cabeça escapasse do meu pescoço e já que iria correr tanto risco, nada mais justo que poder tirar algum proveito disso caso desse certo.
avatar
Joselito
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 252
Data de inscrição : 02/10/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Edson F. em Qui 9 Maio 2013 - 9:46

Só agora Jhon tem uma noção da força do vampiro, mesmo ferido ter escapado daquele Hispo, ele era presa grande.
-Ou, ou, ou, calma ai, isca? Você acabou de falar que o deixou escapar mesmo ele estando ferido e agora que me usar de isca? O que ganho com isso cara!
- Você ganha reconhecimento de minha parte. Eu não o deixarei morrer, a não ser que sua morte também cause a morte dele, nesse caso eu pensaria melhor. Ele escapou por conta de meus defeitos, não porque seja um deus invencível. Mas isso não vem ao caso. O que você gostaria de ganhar em troca?
-Caso aceite sua oferta, tenho uma “condiçãozinha” meu caro, já que vou arriscar minha vida, o quero “vivo”, quero que apenas paralise ele com algo que perfure seu coração! Preciso conhecer melhor a anatomia desses seres, para que eu, assim como você, consiga enfrenta-los também com alguma vantagem, há anos pesquiso sobre eles, mais nunca consegui um exemplar para estudar, com um eu conseguiria achar formas muito mais eficiente para eliminar essas pragas da face da terra.
O homem fica parado, espantando com o que acabara de ouvir. Por fim fala:

- Tudo bem. Ele será seu, mas há mais uma coisa, se ele apresentar risco de fugir novamente, eu o mato, e é melhor que você não me impeça de fazer isso. Então vamos aos negócios. Você continuará sua rotina normal, como se não o estivesse caçando mais, como se ele já estivesse morto. Vá trabalhar, sair com mulheres, faça o que você faz como um humano normal, eu vou me afastar por um tempo, já conheço seu perfil, ele irá demorar um pouco para aparecer na cidade novamente. Mas quando aparecer ele irá atrás de você, e eu estarei lá esperando. Meu plano é esse, eu o imobilizarei, você deve saber que uma estava no coração o paralisa não é?! Então, temos um acordo, há mais algo que gostaria de acrescentar?

O plano parece bom, Jhon não o conhece bem, não sabe se ele irá cumprir sua parte do trato, mas também sabe que sozinho vai ser impossível capturar essa criatura, e também não pode mais contar com o delegado.




Fala
Ação
Pensamento



avatar
Edson F.
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 08/07/2012
Idade : 26
Localização : Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Joselito em Qui 9 Maio 2013 - 15:21

Spoiler:
- Você ganha reconhecimento de minha parte. Eu não o deixarei morrer, a não ser que sua morte também cause a morte dele, nesse caso eu pensaria melhor. Ele escapou por conta de meus defeitos, não porque seja um deus invencível. Mas isso não vem ao caso. O que você gostaria de ganhar em troca?

Reconhecimento?...Pif...e quem disse que isso era importante pra mim, então ele pensava um pouco, parecia avaliar tudo que eu tinha dito, é claro que ele iria ganhar com minhas pesquisas, afinal para ele também seria util conhecer a anatomia completa de um ser como esse, então ele continua.

Spoiler:
- Tudo bem. Ele será seu, mas há mais uma coisa, se ele apresentar risco de fugir novamente, eu o mato, e é melhor que você não me impeça de fazer isso. Então vamos aos negócios. Você continuará sua rotina normal, como se não o estivesse caçando mais, como se ele já estivesse morto. Vá trabalhar, sair com mulheres, faça o que você faz como um humano normal, eu vou me afastar por um tempo, já conheço seu perfil, ele irá demorar um pouco para aparecer na cidade novamente. Mas quando aparecer ele irá atrás de você, e eu estarei lá esperando. Meu plano é esse, eu o imobilizarei, você deve saber que uma estava no coração o paralisa não é?! Então, temos um acordo, há mais algo que gostaria de acrescentar?

Não tinha garantias sobre nada, não conhecia o hispo a minha frente e honra não parecia estar na sua lista de qualidades, porem, tinha que aceitar o fato que sem a sua ajuda jamais conseguiria capturar um vampiro tão poderoso, e que se ele cumprisse sua parte no trato o vampiro teria uma grande chance de ser capturado.

-Ok, temos sim um acordo, afinal não posso mesmo caçar por um tempo, tenho que me recuperar disso tudo, reconstruir minha casa, bom fechado.

Estendia a mão para o cumprimentar, para selar o acordo feito, aceitava o fato de que seria melhor matar o vampiro do que deixar ele escapar então, obviamente não iria interferir caso isso fosse necessario, já estava ancioso para o grande dia, agora era apenas esperar o ser morder a isca, se é que ira morder.

O esperava sair e ja começava a ligar para as empreenteiras a fim de arrumar os danos de minha casa, pela internet comprava cameras para substituir as danificadas pelo vampiro, afinal, estava de “licença medica” e poderia acompanhar a instalação e reforma de minha casa.

Já no laboratorio marcava também o lobisomem, afinal seria muito bom saber onde esse povo que apareceu em minha vida do nada andava, por fim, voltava a minha rotina de vida antes de ter a ideia de capturar um vampiro, apenas os monitorava, aprendia mais sobre suas hierarquias, e agora, começa a estudar o circulo desses Garus que serviam as trevas a começar pelo meu mais novo “socio”, pretendia espandir meus monitoramentos a fim de poder futuramente planejar com perfeição a derrubada deles dessa cidade, depois do estado, pais e por fim do planeta.
avatar
Joselito
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 252
Data de inscrição : 02/10/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Edson F. em Qui 9 Maio 2013 - 20:25

VI - Cheiro de morte


- Ok, temos sim um acordo, afinal não posso mesmo caçar por um tempo, tenho que me recuperar disso tudo, reconstruir minha casa, bom fechado.
-Perfeito, vejo você novamente dentro de alguns dias.

Assim que o homem ia embora, Jhon se preparava para arrumar sua casa, comprar novas câmeras, e também lembrou de marcar o homem e o Hispo no sistema, precisava marcar ambas as formas, já que o sistema não reconhece o DNA. Não sabia com quanto tempo o vampiro voltaria, não havia sido informado sobre isso, só restava esperar.


20 dias depois


Os dias se passaram e não houve mais sinal de vampiro, lobo ou mesmo do delegado, Jhon já havia se recuperado dos ferimentos, só restava uma pequena cicatriz no abdômen, marca das garras do sangue-suga, não era tanto uma cicatriz era mais uma marca era algo bem superficial, com o tempo iria desaparecer. Sua rotina havia voltado ao normal, com idas e vindas, casa-hospital, hospital-casa, em casa continuava seus trabalhos, seus planejamentos, suas pesquisas, não poderia errar dessa fez, era sua única chance. Em todo esse tempo havia colhido material suficiente, estava com tudo pronto, tinha preparada estacas, recarregado sua pistola, teria que parar o vampiro a todo custo. Mas não poderia negar também sua preocupação, 20 dias haviam se passado e não houve sinal de ninguém, isso já estava parecendo estranho. Já estava perdendo as esperanças, talvez o Hispo o tenho pego, e não via porque comunicar isso a Jhon.

Mais alguns dias se passaram, até que numa noite Jhon vê nas câmeras algo marcado de vermelho, o maldito Chester, de volta a cidade, estava quase que todo coberto, apenas algumas partes mostravam ele marcado de vermelho, boa parte do corpo estava coberto, com capa, chapéu e luvas. Jhon não fez nada apenas o observava pela câmera, passaram mais alguns dias, e só o que o vampiro fazia era andar, mas ele já estava passando demais pelos hospitais de Jhon, talvez vigiando os hospitais, talvez planejando algo, ele sabia das câmeras de Jhon espalhadas por alguns lugares. Até agora nada do Hispo. O delegado, Jhon o havia marcado também, as vezes conseguir visualizá-lo, mas nada anormal em seu comportamento, apenas casa-trabalho. Mas o vampiro já o estava deixando intrigado, porque visitar tanto seus hospitais? Isso era uma cilada, ele o estava tentado atraí-lo. Os dias passavam, as vezes o visualiza rondando os hospitais, em outros dias não o via em lugar nem um, os jornais noticiavam algumas mortes estranhas, Jhon sabia que o causador dessas mortes era o vampiro se alimentando longe do alcança de suas câmeras, ele estava se preparando para algo, e até agora nada do Hispo, o que havia acontecido, já deveria tê-lo visto pela cidade, será que ao menos sabia que o sangue-suga estava de volta a cidade? As visitas constantes aos hospitais já o estava preocupando. Porque vigiar lá e não sua casa?




Fala
Ação
Pensamento



avatar
Edson F.
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 08/07/2012
Idade : 26
Localização : Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Joselito em Sex 10 Maio 2013 - 9:31

Spoiler:
-Perfeito, vejo você novamente dentro de alguns dias.

Ele saia, começava a dar um jeito em tudo.

Os dias pareciam voar, já fazia 20 dias desde o ocorrido e até agora nada, seguia minha vida tranquilamente monitorando a cidade, buscando novos vampiros, vigiando o delegado e tudo mais e nada, já começava a me perguntar se realmente o vampiro voltaria, ou se o hispo não o teria pegado em outro lugar, nada acontecia a angustia ja começava a bater.


Mais alguns dias, ja estava sentado em frente à camera sem esperanças quando um ponto vermelho surge na tela, era ele! Ele estava nos arredores de meu hospital, mais o que ele queria por La? Por que vigiar La e não minha casa, nas primeiras aparições dele por la não me importei, porem começou a virar uma rotina, dia sim dia não ele circulava pelos hospitais que era 100% monitorados, e ele sabia disso, mais porque la? Cade o hispo que até agora não fez nada, sera que ele sabe que o sangue suga voltou? Não sabia ao certo o que estava acontecendo.

Na manha seguinte ia ao hospital, passava por todos os lugares que o vampiro passou, reproduzia cada movimento dele para ver se via algo, se achava alguma pista que pudesse indicar o que ele queria, isso era extranho, muito extranho, um ser com tamanha experiencia não se arriscaria, ele devia estar seguro de si, para dar as caras no trabalho de “amigo” de garu que quase o matou, será que ele já tinha dado conta do garu?.
avatar
Joselito
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 252
Data de inscrição : 02/10/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Edson F. em Sex 10 Maio 2013 - 10:49

Jhon vai até os hospitais, percorre todo a caminho do vampiro, a procura de alguma coisa, qualquer pista. Mas nada é encontrado, vê algumas pegadas, mas é só. Jhon continua normalmente sua rotina, mais nada acontece. O vampiro não aparece mais no hospital nos outros dias, ele parece ter sumido do radar novamente. Mas Jhon recebe a visita inesperada de Jean, o delegado, por volta do meio dia.

- Jhon, não sei se você percebeu mais a "criatura" está de volta, ultimamente ele tem rondado muito seus hospitais. Seus planos ainda são de captura-lo vivo? Porque eu vou pegar esse filho da mãe. Com sua ajuda ou sem. Já tenho muita coisa acumulada e creio ter todas as ferramentas necessárias para matá-lo. Então você está comigo nessa ou não?

Pelo seu tom e seu jeito o delegado falava sério, ele estava preparada para matar o vampiro, Jhon só não sabia se ele conseguiria. Mas sabe que o delegado adquiriu alguma experiencia, talvez tenha sido por isso que ele apareceu ao meio dia, era o horário menos provável do vampiro aparecer.




Fala
Ação
Pensamento



avatar
Edson F.
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 08/07/2012
Idade : 26
Localização : Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Joselito em Sex 10 Maio 2013 - 16:12

Minha ida ao hospital não me trazia bons retornos, não encontrava nada que desse alguma dica sobre a criatura ou mesmo sobre seus planos, isso não estava me cheirando bem, seguia minha vida, afinal até o momento não tinha o porque entrar em pânico, então para minha surpresa, Jean, o delegado tinha resolvido dar o ar da graça.

Spoiler:
- Jhon, não sei se você percebeu mais a "criatura" está de volta, ultimamente ele tem rondado muito seus hospitais. Seus planos ainda são de captura-lo vivo? Porque eu vou pegar esse filho da mãe. Com sua ajuda ou sem. Já tenho muita coisa acumulada e creio ter todas as ferramentas necessárias para matá-lo. Então você está comigo nessa ou não?

Ouvia o delegado falar e não escondia o meu olhar de surpresa e ao mesmo tempo ironia, era engraçado ver como as pessoas sempre acreditavam que podiam dar conta deles facilmente e como normalmente se viam no meio de uma teia da qual jamais sairia vivo, respirava fundo e dizia em voz calma.

-Não é lugar para falarmos disso amigo, na minha casa podemos conversar com mais calma, vejo que não aprendeu muito sobre essas criaturas.

Meu tom era sim áspero, não gostava da arrogância e presunção dele mediante uma situação que ele não fazia ideia de como lidar, não pretendia matar o vampiro e não acreditava que ele também estivesse tão confiante assim.

Já em casa olhava para o delegado e dizia;

- Não pretendo matar ele! E não espero que entre no meu caminho amigo, eu estou atrás dele a anos e peço que não entre nessa luta, acredite em mim teremos muitas outras da qual ficarei feliz em deixar você arrancar a cabeça desses infelizes, mais esse cara é meu! Você ainda não esta pronto!

Tentava partir para o lado mais pessoal, tirar o peso da conversa e fazer ele pensar, então continuava.

-Acha mesmo ser capaz de enganar ele? Meu amigo eu os conheço melhor que muito deles mesmo e fui surpreendido, e viu como me encontrou, precisamos conhecer as fraquezas desses seres ou senão seremos sempre surpreendidos por alguma coisa que desconhecíamos, e nesse caso, acabaremos mortos!

Por mais que ele tenha estudado o habito desse cara, ou mesmo lido tudo que encontrou sobre esses seres, era impossível ele ter meu conhecimento sobre essas criaturas, era bem provável que 99% de tudo que ele aprendeu não passava de folclore ou lenda urbana, se ele entrasse nessa, seria o segundo delegado morto!
avatar
Joselito
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 252
Data de inscrição : 02/10/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Edson F. em Sex 10 Maio 2013 - 17:54

- Não pretendo matar ele! E não espero que entre no meu caminho amigo, eu estou atrás dele a anos e peço que não entre nessa luta, acredite em mim teremos muitas outras da qual ficarei feliz em deixar você arrancar a cabeça desses infelizes, mais esse cara é meu! Você ainda não esta pronto!
- Porque você quer esse? O que tem de especial nele Jhon?
-Acha mesmo ser capaz de enganar ele? Meu amigo eu os conheço melhor que muito deles mesmo e fui surpreendido, e viu como me encontrou, precisamos conhecer as fraquezas desses seres ou senão seremos sempre surpreendidos por alguma coisa que desconhecíamos, e nesse caso, acabaremos mortos!
- Não posso ficar parado, uma dessas criaturas mataram minha esposa, minha esposa Jhon, eramos felizes, eramos uma família, e de repente tudo acabou, meu mundo desabou, primeiro por perder a pessoa que mais amava na vida e segundo por saber que algo sobrenatural a matou. Porque ela, porque ela? Isso é pessoal pra mim. Nem que eu morra, mas eu mesmo farei algo e sozinho.

O delegado estava falando aos gritos, Jhon via em sua face um homem cansado, é como se todo o tempo que fora delegado fosse apenas se preparando para pegar uma única pessoa. O assassino de sua esposa. O delegado ia embora, Jhon sabia que ele não iria mudar de ideia, o que seria uma pena, porque provavelmente ele não iria sobreviver.




Fala
Ação
Pensamento



avatar
Edson F.
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 08/07/2012
Idade : 26
Localização : Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Joselito em Sex 10 Maio 2013 - 19:35

Spoiler:
Porque você quer esse? O que tem de especial nele Jhon?

Spoiler:
- Não posso ficar parado, uma dessas criaturas mataram minha esposa, minha esposa Jhon, eramos felizes, eramos uma família, e de repente tudo acabou, meu mundo desabou, primeiro por perder a pessoa que mais amava na vida e segundo por saber que algo sobrenatural a matou. Porque ela, porque ela? Isso é pessoal pra mim. Nem que eu morra, mas eu mesmo farei algo e sozinho.

O delegado estava aos gritos, seu descontrole sem duvida o mataria, e isso seria uma perda, ele já ia saindo quando o chamava.

-Espere!

Em seguida continuava.

-Acha mesmo que foi o único que perdeu algo Sr. Delegado, pois é, não foi, eu VI meus pais serem mortos por essas criaturas.

Eu respirava, tomava um folego, não tinha visto a morte deles, mais imaginei que isso daria mais impacto pra que ele voltasse um pouco sua atenção ao que queria lhe falar, então continuava.

-Não comece a agir feito uma criança e em vez de vingar a morte de sua esposa a fara companhia, e não tera nem mesmo chegado perto de matar um deles se quer, eu não chamo isso de vingança, eu chamo isso de burrice!

Respirava e tava um tempo pra que ele absorvesse tudo e então continuava.

-Então mais uma vez lhe peço, deixe eu estudar ele, e depois iremos a trás de todos os que conheço dessa cidade, o que me diz?

Nessa hora estava indo em direção a ele e colocava a mãos em seu ombro, e aguardava sua resposta.
avatar
Joselito
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 252
Data de inscrição : 02/10/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Edson F. em Sex 10 Maio 2013 - 20:53

-Acha mesmo que foi o único que perdeu algo Sr. Delegado, pois é, não foi, eu VI meus pais serem mortos por essas criaturas.
-Não comece a agir feito uma criança e em vez de vingar a morte de sua esposa a fara companhia, e não tera nem mesmo chegado perto de matar um deles se quer, eu não chamo isso de vingança, eu chamo isso de burrice!
-Então mais uma vez lhe peço, deixe eu estudar ele, e depois iremos a trás de todos os que conheço dessa cidade, o que me diz?
De fato ele estava agindo como criança e reconheceu isso na hora, por ser um policial, delegado, deveria ter mais controle, seus superiores estavam certo em não o deixar resolver o caso da esposa, porque sabiam que ele levaria para o lado pessoal, e talvez isso até levasse à ruína de seus homens, e por meios não oficias, o suspeito acabaria livre. Jean pensa sobre o que Jhon falou, ele não foi o único que perdeu alguém, Jhon também perdera, seu pai e sua mãe, mesmo sendo mais novo ele demonstrava mais controle, assim como mais experiência, resolver tudo com irritação e vingança não ajuda muito. Já estava à porta, Jhon coloca sua mão em seu ombro, um gesto tanto acolhedor como também quem quer dizer "estou contigo". Sem se virar o delegado responde:

- Tudo bem, vou dar um tempo, vou me acalmar e depois veremos o que iremos fazer. Agora tenho que ir.

Jhon teve a ligeira impressão de que o delegado estava chorando, viu de relance um pequeno brilho em sua face, talvez lágrima, ou suor pela sua tenção, acredita na primeira. O delegado vai embora. Isso tranquiliza Jhon, Jean estava prestes a fazer uma loucura estava cego pela vingança e ódio, e não enxergava a gravidade da situação. Estava se envolvendo em algo grande demais para si mesmo. Agora só restava esperar.

A noite chega, e mais uma vez lá está o vampiro rondando o hospital, desse vez ele carrega algo mais, está com uma mala, é uma pena não poder ver o que ele carrega dentro dela, mas isso já está ficando muito preocupante.




Fala
Ação
Pensamento



avatar
Edson F.
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 08/07/2012
Idade : 26
Localização : Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Joselito em Seg 13 Maio 2013 - 10:40

Spoiler:
- Tudo bem, vou dar um tempo, vou me acalmar e depois veremos o que iremos fazer. Agora tenho que ir.

Algo na voz do delegado me deixava mais tranquilo, ele parecia chorar, conseguia ver um leve brilho vindo do seu rosto, não sabia com certeza se era uma lagrima ou seu suor devido a tanta excitação pela paranoia de vingança, ele saia me deixando mais uma vez com minha solidão, ia até o laboratorio e mais uma vez la estava o vampiro, agora ele trazia consigo uma maleta, começa a estalar meus dedos, seria muito bom saber o que ele tinha nelas, a situação estava me deixando aflito e não via uma movimentação sequer do Hispo, ele não tinha aparecido em nenhuma das cameras!

Já estava cansando disso, então ia até o carro entrava nele e o ligava, pelo celular acompanha os movimentos do vampiro, batia os dedos no volante, a minha mente estava a mil, ir ou não ir, não saberia o que fazer, mais não podia mais ficar olhando ele fazer seja lá o que for na porta de “minha casa” e não fazer nada a respeito, então abria a porta da garagem e dava marcha ré, o carro respondia imediatamente ao comando, fechava a garagem e seguia para o hospital, pegava o caminho tentando evitar passar por lugares proximos a ele, o hospital tinha diversas entradas e iria usar a do lado oposto da que ele estava, hoje eu iria descobrir o que ele estava fazendo, com ou sem a ajuda do Hispo.
avatar
Joselito
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 252
Data de inscrição : 02/10/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Edson F. em Ter 14 Maio 2013 - 9:58

Jhon fica curioso, a dias que o vampiro circula os hospitais, mas dessa vez há algo diferente, ele trouxe uma mala, e Jhon quer saber o que tem nela, sabe que também pode ser uma armadilha, mas precisa saber. Jhon entra no carro pronto para ir até lá, mas ainda se pergunta se deve mesmo ir, por fim decide que vai até lá descobrir o que Chester planeja. Com a câmera do celular ele fica de olho nele. Com certeza é uma armadilha o vampiro poderia se esconder muito bem se ele quisesse, passar despercebido, mas não o fez, o que quer dizer que está atraindo alguém até lá, e esse alguém é Jhon, e ele está conseguindo. Jhon já está muito próximo ao hospital, ele pega o sentido oposto por onde o vampiro está, não quer bater de frente com ele, apenas espioná-lo e descobrir o que ele esconde.

Jhon segue os movimentos do vampiro pelo celular, ele apenas está parado com a mala em mãos, como se estivesse esperando alguém. Ele coloca a mão no bolso e pega algo, leva ao ouvido, é um celular. Conversa com alguém, não dá para escutar o que é. Após desligar o celular o vampiro vai se afastando, a passos lentos, e pouco depois Jhon o perde de vista. Não sabe para onde ele foi. Também não consegue encontra-lo nas câmeras. Sem muito o que fazer Jhon volta para casa.

Jhon continua de olho nas câmeras, mas não encontra mais o vampiro. Sem a necessidade de dormir Jhon passa todo o tempo trabalhando planejando e pesquisando sobre esses seres. O dia amanhece, as pessoas começam a sair de casa, o hospital começa a ficar mais movimentado. E quando ele está prestes a desligar os monitores o vampiro reaparece, para se proteger da luz solar ele usa, como sempre, capa, chapéu, luvas e óculos escuros, e mais uma vez está com a mala, ele entra no hospital, Jhon começa a estalar os dedos, sente uma arrepio, isso não é bom, alguma coisa está prestes a acontecer. Passam-se poucos minutos e o vampiro sai do hospital, sem a mala. Pelas câmeras instalados no hospital Jhon vê a mala, propositalmente esquecida num canto da parede. De início ninguém dá atenção, por fim a curiosidade de Jhon será saciada, logo ele saberá o quem tem na mala.




Fala
Ação
Pensamento



avatar
Edson F.
Crias de Fenris
Crias de Fenris

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 08/07/2012
Idade : 26
Localização : Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jhon Rokphiler - Sede de Sangue (CONCLUÍDO)

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 4 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum