Ronny Romeiro "Passolargo" - Paradoxo (Subida de posto)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Ronny Romeiro "Passolargo" - Paradoxo (Subida de posto)

Mensagem  kausBR em Sab 1 Fev 2014 - 18:51

A paciência de um trapaceiro é imensa, mas não a desse trapaceiro, Ronny já estava muito puto por sua esposa ainda não estar grávida e pela demora de sua ascensão de posto, afinal ele já era mais conhecido que muitos fosterns por ai!Está quase um Adren pelos espíritos, isso se fosse só pelos espíritos, mas não era. O Maldito “estraga prazeres” tinha voltado com força para balancear a o conselho, “Terras do Norte”, esse era o nome Garou dele e agora todos que quisessem subir de posto tinham que pedir um desafio a ele! Quem ele quer enganar! Porra é um ancião! Nós nem devemos desafiá-lo e essa agora!

Sendo membro dessa seita(querendo ele, ou não) ele não pode simplesmente ir à outra e pedir, não funciona assim e nenhum dos membros de sua matilha tinham tal talento. Mas como está dito sua paciência está no fim e ele está pronto para mostrar o seu valor, ou melhor a falta dele...



-A coragem alimenta as guerras, mas é o medo que as faz nascer..
--Somos todos campos de batalha, nos quais se digladiam deuses...
---Você não morre pela sua matilha. Você vive por ela! Levante-se! Se tem tempo para pensar em uma morte bela, porque não vive belamente até o fim?
avatar
kausBR
Peregrinos Silenciosos
Peregrinos Silenciosos

Mensagens : 319
Data de inscrição : 23/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ronny Romeiro "Passolargo" - Paradoxo (Subida de posto)

Mensagem  The Grand Wizard [Passo] em Sab 1 Fev 2014 - 20:21

Quanto tempo estava em Vancouver? Não tenho certeza. Parece anos, outras vezes parece meses. A Seita do Urso Pardo até agora estava servindo de albergue improvisado, especialmente quando deveria deixar Alba em segurança, pensava sempre comigo que não existe lugar melhor para deixar ela enquanto tenho que desvendar o que Parentes máculados estão tramando, viajar para outras cidades para socorrer seitas cheias de orgulho ou sair caçando sanguessugas.
Sempre vendo o lado negativo das coisas como um Ragabash mais torcido para o lado negro, sinto pouca paciência de ter adquirido um bom renome, entretanto ainda sou um mero Cliath, mesmo que já tenha feito algumas coisas impressionantes para um novato recém chegado ao Canadá.
Sem grande pressa, ao menos aparente, vou caminhando ao encontro do Wendigo Terras do Norte, que junto de Equilibro-das-Estações faz parte do Conselho de Anciões do Caern, sei bem que os dois são nobres e até onde sei, são os Garou mais fodas que já conheci, conhecidos por todo o mundo até sei. Eles reabriram o Caern que supostamente tinha sido criado por homens-urso há muito tempo. Como não ficar impressionado?


Entretanto, como irei chegar em um Ancião desse, um Cliath como eu e desafiar ele? Calma, seu babaca, senão vai fuder com tudo.

Ao chegar onde o Ancião Wendigo está, observo o que ele está fazendo, caso esteja meditando ou fazendo alguma coisa do gênero fico parado, calado. Caso ele pareça livre, chego mais perto, sento de pernas cruzadas no chão, espero ele dirigir uma palavra, caso contrario procuro esperar alguns momentos.

[Teste de Força de Vontade e até gasto se for preciso]


Off: Vai me ferrar com meu próprio npc? HAHUAHUAHUA, só dando um toque, Terras do Norte é Hominídeo Philodox dos Wendigos Posto 5 e faz parte do conselho de Anciões, o filho da puta do Mestre do Desafio: Morde Gargantas, Lupino Galliard dos Garra Vermelha, Athro 4, Mestre do Ritual:William Uivo Alto, Hominídeo Galliard dos Fianna, Adren 3 etc. E eu deveria desafiar um Posto 2, no caso teria que desafiar alguém da seita desse posto. Me diz por mp se vai ignorar essa parada mesmo e vou ter que ir no Ancião.
Vou postar algo rapidinho pois já ia vazar para night.
avatar
The Grand Wizard [Passo]
Admin
Admin

Mensagens : 1891
Data de inscrição : 24/12/2010
Idade : 26
Localização : Pra lá de Além Paraiba

Ver perfil do usuário http://lobisomemoapocalipse.livreforum.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ronny Romeiro "Passolargo" - Paradoxo (Subida de posto)

Mensagem  LeoPrata em Qui 20 Fev 2014 - 13:50

Terras do Norte aparentemente realiza uma prece em homenagem a seus ancestrais, Ronny não entendeu nada do que ele proferia e ficou ali parado até o ancião terminar. Um vento suave e frio mexeu nas folhagens e agitou tenuemente a terra, logo o ancião mesmo de costas perguntou com voz baixa e tranquila...

Terras do Norte - Pode falar agora? Algo o perturba jovem?

Ronny tem a sensação de o velho já até sabe do que se trata, porém, terá que fazer tudo de maneira formal e conforme manda a cultura Garou.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 37
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ronny Romeiro "Passolargo" - Paradoxo (Subida de posto)

Mensagem  The Grand Wizard [Passo] em Qui 20 Fev 2014 - 23:22

Não sei exatamente o que ele faz, seja meditando em questões profundas ou realizando um Ritual ou Dom. Merda, ele pode estar apenas apreciando o vento até onde posso imaginar. De costas, ele fala comigo. Caso ele não fique de frente virado para mim, procuro contornar e sento de frente a ele, de maneira respeitosa e de cabeça baixa, falo com minha voz limpa, ignorando qualquer impulso que não seja respeito.

Ronny - Grande Ancião Terras do Norte-rhya, perdão caso tenha o atrapalhado em sua meditação, mas estou perturbado com uma questão. Um Philodox de tamanho conhecimento é minha única esperança para resolver essa questão. - Fico calado por alguns segundos, para não parecer ávido demais, então ponho a questão na mesa. - Para subir de Posto, um membro do Povo deve desafiar alguém cujo o Posto seja próximo do seu, entretanto, qual caminho um Garou deve seguir caso não tenha outro Garou de um Posto próximo ao seu? Ele está fardado à permanecer em estase?

Fico calado, esperando qualquer resposta que o Ancião possa oferecer, permaneço em uma posição inferior como é devido, mas não deixei de notar o vento. Esse vento, foi fruto do Wendigo?
avatar
The Grand Wizard [Passo]
Admin
Admin

Mensagens : 1891
Data de inscrição : 24/12/2010
Idade : 26
Localização : Pra lá de Além Paraiba

Ver perfil do usuário http://lobisomemoapocalipse.livreforum.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ronny Romeiro "Passolargo" - Paradoxo (Subida de posto)

Mensagem  LeoPrata em Sex 21 Fev 2014 - 10:35

Terras do Norte observa o jovem Lua nova e fala de forma tranquila...

Terras do Norte - Os espíritos me contarão tudo sobre você Lua Nova e logo você encontrará o que procura. Manter as tradições antigas devia sempre ser preservado, não importa o tempo ou momento. Você deve vivenciar por completo se for vontade da Grande Avó sua mudança de posto, assim um dia saberá ensinar bem aos filhotes.

Passolargo compreende o tradicionalismo do Ancião Wendigo, nas portas do Apocalipse muitos Garou tem se esquecido dos antigos rituais. Entretanto o Lua Nova está impaciente e ansioso, mantém sua postura e semblante tranquilos, mais intimamente está preocupado com tudo que já lhe falaram sobre desafios e rituais para subida de posto. Terras do Norte faz um gesto para Passolargo se levantar e o acompanhar, ambos vão até uma tenda ampla um pouco mais afastada do centro do Caern. A tenda é toda construída em palha e folhas, o chão é de terra e com algumas esteiras distribuídas pelo chão, ao fundo nota-se um tipo de oferenda espiritual, provavelmente ao Totem do Caern. Uma esteira mediana tem algumas frutas silvestres, uma figura estilada de um peixe em uma casca de árvore, pedras pequenas dispostas de forma rústica formando o que parece uma caverna e em cada lado da esteira pequenas cuias que exalam uma fumaça com aroma levemente adocicado. Ronny também nota que existem pinturas feitas em pele presas nas laterais da tenda, ele reconhece parcamente como uma menção a revitalização do Caern do Urso e as bençãos da Cura que nele ocorrem. Também chama a atenção 3 jarros de barro grande e um pilão feito de pedra, Terras do Norte aponta uma esteira para Ronny se acomodar enquanto ele vai até os jarros...

Terras do Norte - Isso não irá demorar, logo os espíritos irão manifestar o que tanto anseia.

O Ancião destampa os jarros que estavam cobertos com tecidos feitos de peles, no primeiro jarro, o maior dos três, retira uma concha de casca de árvore e a enche com o que parece água e coloca no pilão. Ele repete por pelo menos 3 vezes o gesto, Ronny se mantém atento mais está suando muito, isto é bem estranho afinal, o clima em Vancouver é bem agradável e raramente ele fica desse jeito, exceto quando está transando com alguém. Vagarosamente ele tampa o jarro de água, vai nos outros 2 jarros e pega com a mão um punhado de ervas e pequenas frutos, também os coloca no pilão e começa a amassá-los. O Lua Nova a essa altura tem vontade de arrancar a roupa, mudar de forma não ajudaria muito, mais pêlos só  piorariam a situação, seu corpo parece queimar e seus olhos veem vultos e rastros reluzentes fazendo achar que está sendo assombrado. Logo Terras do Norte volta com a concha de casca de árvore e um tipo de caldo nela...

Terras do Norte - Só falta uma coisa agora.

O Ancião passa o dedo indicador na testa de Ronny e pinga seu suor no caldo e então fala...

Terras do Norte - Beba isto.

Ronny exita por um instante, já está meio atordoado e aquela porra com certeza deve ser pior que chá de cogumelo, mais a expressão do Ancião é séria e Passo não tem muita escolha. Ele sorve o líquido e em pouco tempo sua visão turva totalmente e ele sente como se seu corpo caísse em um infinito, sem chão, sem tempo ou espaço. Sua mente viaja para os momentos mais marcantes de sua vida, desde a primeira mudança até sua última missão em prol da Nação Garou. No fim uma voz longínqua diz que ele em breve terá bençãos. Ronny abri os olhos ainda atordoado e vê Terras do Norte conversando com um tipo de espírito, não sabe ao certo o que é mais logo o espírito some e o Ancião fala...

Terras do Norte - Seus feitos foram contados a mim e agora o seu desafio será digno Ronny Romeiro, Passolargo. Conhecido também, por seus irmãos de tribo como Anpu-Supera-a-Escuridão. Existem dois Garou guardiões deste Caern que são de um posto superior ao seu e do mesmo Augúrio, um deles é Arabella Olhos da Coruja, um irmão de sua tribo. O outro é Isenborg "Língua de Prata", um membro da tribo dos Senhores das Sombras. Deve dirigir seu desafio a um deles, eu estarei presente e direi se o desafio oferecido é digno para que você possa ser reconhecido como um Fostern.

Ambos saem da tenda afim de reunir os dois Fostern ditos por Terras do Norte, não é uma tarefa muito difícil e assim que ambos são convocados pelo Ancião, todos vão até uma das cabanas de reunião do Caern....

Terras do Norte - Jovem Lua Nova, você é digno de desafiar agora um destes dois Garou para que todo o povo possa reconhecer em ti não mais um Cliath.

Ronny tem a palavra no momento.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 37
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ronny Romeiro "Passolargo" - Paradoxo (Subida de posto)

Mensagem  The Grand Wizard [Passo] em Dom 23 Fev 2014 - 21:24

Escuto o respeitável Wendigo, apesar de no meu âmago talvez eu discorde um pouco de uma coisa ou outra. Na realidade, o verdadeiro ouro está em achar algo no qual eu concorde por completo. Sim, tradições são legais, mas sou o Questionador das Tradições! Especialmente algumas que possam indiretamente ferrarem todos nós na nossas guerras contra Weaver e WYRM, ou no caso eu ferre apenas a mim. Como Forstern posso muito mais! E também não acho que vou viver tanto como você, não sabe que sou azarado, bom chef? Além do mais, quem diz que iremos ter mais Filhotes para serem ensinados? Afinal, o Apocalipse vem aí. Mas admito, dizem que sei vivenciar bem, as mulheres em especial dizem isso, só não entendo direito o que elas queiram dizer com isso...

Sigo com a dança, ficando em pé e indo com ele. Sinto uma pontada querendo debochar a mim mesmo, mas seguro isso. Sei bem o momento de falar e de ficar calado, ainda mais de segurar meu deboche que manifesta mais facilmente diante de conhecidos íntimos em em situações menos... importantes. Vamos então até uma tenda ampla um pouco mais afastada do centro do Caern, penso que uma sauna nesse momento até que vai cair bem, ainda mais levando em conta o vento frio.
Mas reparo que o lugar na verdade é mais um altar, talvez para o Grande Urso Pardo ou para outros espíritos menores que são reverenciados no Caern. Após alguns segundos, percebo outros detalhes que apontam a tenda como mais importante do que havia julgado inicialmente, já tinha escutado historias que esse Caern era dos homens-ursos há muito tempo atrás, mas não tinha visto esse lugar antes onde parte da historia está escrito em peles.
É indicado pelo Ancião onde devo ficar, sento com as pernas cruzadas no chão, observo mais atentamente as peles com glifos.
Pensei que era uma cabana de suor inicialmente, onde em meio ao calor os espíritos vem com suas visões, mas parece que vamos ter espíritos aqui sem precisar ficar encharcados de suor. Vejamos o que eles vão querer, talvez sangue... o que é pior? Ficar coberto com suor ou sangue? Resposta: Depende do suor ou sangue de quem. Certo, Alba?

Logo percebo que não é preciso uma cabana totalmente fecha com pedras quentes para fazer suar feito um cão. Enquanto o Ancião realiza algum ritual. No primeiro jarro ele retira uma casca de árvore no qual usa para transportar água até o pilão. Enquanto ele vai seguindo assim, fico suando e imaginando que um Garou não precisa do mesmo que índios de beira de estrada para fazer alguém suar em uma tenda, pois ele muito bem pode estar invocando um Elemental do Fogo ou coisa do tipo. Nem correndo de um lado para o outro da América do Norte faz eu suar assim, nem mesmo um longo treinamento de combate com Mansin, só Alba consegue imitar essa proeza depois que ficamos rolando de um lado para o outro por horas e mais horas, sem quebrar o ritmo. Segure sua língua, ficou calado até agora, fale o que pensou e esse Wendigo transforma você em um Ronin.

Enquanto o Wendigo continua preparando minha "sopa", continuo com calor, evito o pior pensando com determinação. Ele é um Wendigo, suportar o calor para ele é pior do que para você, afinal é um Peregrino Silencioso. Não dizem que todos nós adoramos um calor? E ver vultos? Grande coisa, todos nós vemos vultos desde pequenos. Fantasmas humanos e coisas piores. Sua determinação é de ferro, sua carne é forte, sua mente é... minha mente é uma maldita geleira, não vai derreter assim.
Continuo em minha forma natural, resistindo ao desejo de ir para Glabro, não desejo aparentar ser fraco, não sou um Ahroun mas tenho meu orgulho, sei que sou mais resistente do que forte fisicamente, entrei na cabana esperando suar. O Ancião parece terminar ao derramar um pouco do suor na sopinha, não duvido que vou ficar piradão ao beber aquilo. O Wendigo olha para mim, sério, sei que vou viajar, tento animar-me pensando que é esperado que todo Peregrino Silencioso goste de viajar um pouco, seja como for. Vou em frente, bebendo o que ele fez para mim. Não sinto nem gosto, minha visão turva de uma vez e logo sinto uma queda.
Vejo alguns momentos do meu passado, vejo minha primeira mudança, eu jovem e mais franzino do que sou hoje sendo encurralado por um bando de imbecis, por sorte Gaia e Luna tocarem em mim naquele momento dando-me forças para lidar com os inimigos e proteger Alba. Vejo mais, mas no fim escuto uma voz distante e desconhecida, ela promete que terei bênçãos. Abro os olhos perguntando que tipo de bênçãos podem ser. Mas ignoro isso por um momento ao ver que o Ancião conversa com um espírito, talvez estivessem conversando durante minhas visões, não faço ideia de quanto tempo fiquei fora de mim.
Como tomando consciência de mim, o espírito vai embora deixado o Philodox falando comigo, aparentemente sozinhos novamente.


Terras do Norte - Seus feitos foram contados a mim e agora o seu desafio será digno Ronny Romeiro, Passolargo. Conhecido também, por seus irmãos de tribo como Anpu-Supera-a-Escuridão. Existem dois Garou guardiões deste Caern que são de um posto superior ao seu e do mesmo Augúrio, um deles é Arabella Olhos da Coruja, um irmão de sua tribo. O outro é Isenborg "Língua de Prata", um membro da tribo dos Senhores das Sombras. Deve dirigir seu desafio a um deles, eu estarei presente e direi se o desafio oferecido é digno para que você possa ser reconhecido como um Fostern.

Com humildade sincera, faço uma reverência com minha cabeça para o Ancião, mas nada digo. Sinto uma mudança pequena em mim, pois não lembrava direito de algumas coisas em meu passado, ao ver como ocorreu minha primeira transformação até um Ragabash cheio de humor mórbido e rabugento crê que Gaia e Luna estão vivos e sempre atentos em todos os lobisomens, ajudando nos momentos mais decisivos. Sigo ele então para fora, e penso um pouco relaxado demais. Conheço há muito tempo Arabella, ele é quase uma prima por assim dizer... ao mesmo tempo é algo ruim e bom desafiar ela. Entretanto, alguns podem pensar que mereço mais mérito desafiando um Senhor das Sombras. Teria que pensar com cuidado, mas talvez deva agir ao meu jeito, ainda com uma cabeça tão leve como estou.
Logo estamos na cabana de madeira principal, com os dois Lua Nova Fostern à frente, tenho liberdade para falar perante aos de posto superior, entretanto pouco sei o que falar. Minha cabeça ainda está leve, não consigo pensar corretamente, então falo de modo lento, com a boca meio seca.

Ronny - Fico feliz em ver dois Lua Nova como vocês na minha frente, e ouvir de Terras do Norte que sou digno em propor um desafio para um de vocês. - Tomo um momento, respiro e digo com mais convicção e força na voz, deixando transparecer alguma parte remota de minha linhagem que corre em minhas veias. - Eu, Ronny Romeiro, cujo o nome conquistado após o ritual de passagem no Caern do Austero Lobo Cinza no Colorado é "Passolargo" e entre meu Povo de Khem como Anpu-Supera-a-Escuridão desafio você, Língua de Prata--rhya a reconhecer meu mérito.





Frases de Ronny
- Você não deve esperar de mim nada além de escárnio, lisonja e mentiras. E jamais dê as costas para mim, filho da puta!
- Eu sou tolo por dizer que você é um idiota de primeira e apontar seus erros? Não há tolice maior do que ficar contra mim, é justamente isso que você fez, tolo.
- Inimigos suficientemente perfurados, mordidos, partidos ou explodidos, ou seu dinheiro de volta.
- Eu perguntei se eles queriam resolver tudo de um modo fácil. Fácil para mim.
- "Totalmente" é o meu modo favorito de FUDER as coisas!


Narração
- Minha Fala -
Pensamento
[Sobre a Rolagens de dados e detalhes do Sistema]
avatar
The Grand Wizard [Passo]
Admin
Admin

Mensagens : 1891
Data de inscrição : 24/12/2010
Idade : 26
Localização : Pra lá de Além Paraiba

Ver perfil do usuário http://lobisomemoapocalipse.livreforum.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ronny Romeiro "Passolargo" - Paradoxo (Subida de posto)

Mensagem  LeoPrata em Seg 24 Fev 2014 - 16:24

Terras do Norte faz um gesto com a cabeça e Arabella logo sai da cabana e deixa somente o Ancião e os 2 Garou envolvidos no desafio. Língua de Prata sorri de forma maliciosa e fala...

Língua de Prata - Descobrir vossos méritos...Bem então aceito lhe testar no âmbito mais adequado ao nosso augúrio... A astúcia. Você terá duas tarefas em que não poderá usar seus dons ou fetiches, apenas sua inteligência e perspicácia. Pode aceitar ou declinar, você escolhe.

O Ancião acena positivamente com a cabeça dando o aval para o teste.

[caso aceite]

Língua de Prata - Me encontre pela manhã, cedo antes das 6 da manhã e você iniciará sua primeira tarefa.

A noite é longa para o Peregrino que não deixa de pensar o que terá que enfrentar. O sono praticamente não vem e ele se força a descansar para estar apto, porém, sua mente não o deixa ter paz e a ansiosidade faz com que Passolargo se prepare até antes do que deveria. Na verdade Ronny enrola até a hora marcada tentando não transparecer sua ansiedade e então o Senhor das Sombras aparece e com voz tranquila entrega um papel para Ronny e diz...

Língua de Prata - Quero que vá até essa seita, Comerciantes do Mar, fica em Victoria capital da Columbia Britânica. A mensagem é simples, estão sendo convocados para uma reunião, devem procurar a mim aqui em Vancouver para mais detalhes, só isso. A parte complicada é que essa seita tem um reflexo forte na umbra, sendo no mundo físico só um antigo depósito, tradição pirata de esconder bem as coisas. Além de achá-la o povo por lá tem uma divisão, alguns não são de negar informações corretas aos mensageiros, outros tem o péssimo hábito de mentir. Quero que você passe a mensagem somente para os Garou da seita que são confiáveis, os outros não devem saber da reunião. Acho que já expliquei tudo, boa sorte.

Língua de Prata se retira e agora Ronny tem a primeira tarefa de sua caminhada para subir de posto.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 37
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ronny Romeiro "Passolargo" - Paradoxo (Subida de posto)

Mensagem  The Grand Wizard [Passo] em Ter 25 Fev 2014 - 11:06

Língua de Prata fala, eu escuto. Caso ele tenha sentido surpresa por conta do meu desafio ser direcionado a ele, não demonstra na face nem na voz. Penso com minha face neutra. Nem Dons, nem fetiches. Mas ele teria que ser mais específico comigo. Rituais eu ainda posso usar, de igual modo entrar na Penumbra e explorar todo o potencial natural de ser um lobisomem, conversar com espíritos e fazer uso dos meus aliados e contatos. E não usar Dons? Hum, Cominação com Espíritos é inevitável, e quem sabe existe uma brecha e posso usar algo mais? Algum outro Caern pode muito bem ter uma Ponte da Lua ligando a essa Seita, nada foi dito também contra essa opção. O teste dentro do teste para um Ragabash é como explorar essas brechas que ele deixou sem explicar, não vai poder reclamar por não ter definido bem como vai ser.

Faço um leve aceno, e digo com minha voz indiferente.

Ronny - Será como for... Vou usar a inteligência e perspicácia que Gaia me deu, talvez não seja o suficiente, mas fazer o quê?




Não necessito de tanto sono, mas ainda sim desejava dormir direito. Acordo e volto cair no sono, então acordo novamente, tenho alguns sonhos estranhos, mas ansiedade faz sua parte, de qualquer jeito iria estar antes das seis da manhã em pé, já pronto para o encontro. Visto minhas melhores roupas dedicadas, levo a mochila as costas apenas com os itens mais básicos. Penso em levar o machado mesmo sem permissão para usar ele na busca, tenho ciência que tudo sempre pode dar errado e quem sabe durante o desafio algo ocorra de errado e dou de cara com um bando de Malditos, Fomori ou outras merdas do tipo? No fim, decido deixar ele com Alba, mas levo os ossos de Roland na mochila, não são fetiches. O brinco de ouro permanece na minha orelha, afinal é um brinco!
Encontro o Senhor das Sombras, caso ele sorria eu devolvo o sorriso com minha própria malícia.
Seu sacana de merda, ainda nem comecei... ainda tenho muito para mostrar, seja para você, seja para qualquer outro bacana.

Língua de Prata - Quero que vá até essa seita, Comerciantes do Mar, fica em Victoria capital da Columbia Britânica. A mensagem é simples, estão sendo convocados para uma reunião, devem procurar a mim aqui em Vancouver para mais detalhes, só isso. A parte complicada é que essa seita tem um reflexo forte na umbra, sendo no mundo físico só um antigo depósito, tradição pirata de esconder bem as coisas. Além de achá-la o povo por lá tem uma divisão, alguns não são de negar informações corretas aos mensageiros, outros tem o péssimo hábito de mentir. Quero que você passe a mensagem somente para os Garou da seita que são confiáveis, os outros não devem saber da reunião. Acho que já expliquei tudo, boa sorte.

Olho para o papel e vejo como ele é, procuro ler o que vem escrito caso seja um bilhete aberto em vez de um carta fechada, só não deixo curiosidade me ferrar, sei bem que caso seja fechada não devo bisbilhotar, ainda mais em frente ao Senhor das Sombras. Já estive na ilha algumas vezes, tudo bem. Pelo nome, essa Seita deve estar na área portuária, buscar na Penumbra vai ser essencial.

Ronny - Ora, eu sou alguém que confia facilmente nos outros! E todos confiam em mim, sei que você sabe como isso é. - Falo, debochando um pouco da nossa fama. Então finalizo, falando com uma voz mais seca. - Basta informar apenas para um ou dois Garou de lá que sejam confiáveis em vez de vários. Mas caso os confiáveis espalharem para os errados, nada posso fazer, certo? Para quando será essa reunião? [Pergunto isso caso não esteja visível no bilhete] Essa divisão é apenas na Seita, ou os Garou de toda ilha seguem esse preceito, mesmo os que não sejam do Caern?

Prefiro não fazer qualquer pergunta, mas ali é um jogo. Independente das respostas, meu verdadeiro interesse é ler as intenções dele, descobrir mais brechas e pistas sobre tudo, talvez a língua de prata dele sirva para mim afinal de contas, tudo que ele falar vai ser válido de um jeito ou de outro. Depois de ouvir, dou com os ombros e falo antes de partir.

Ronny - Quando o momento chegar, tudo ocorrerá... até.

Sigo para fora da Seita, indo para o Oeste em direção à Vancouver, ao passar pela Cabana dos Inimigos da Wyrm, olho se alguém por lá vai seguir rumo para Vancouver ou possa dar uma carona, caso contrário passo pela Penumbra e caminho para fora da divisa, mudo para forma Lupina e corro, seguindo ao meu senso quase inato de direção.

[Além da parte interpretativa, caso possa, um teste Mental para tentar ler nas entrelinhas que o uso de Dons, etc está apenas limitado para encontrar o lugar e lidar com os Garou de lá, afinal fico meio em aberto e desejo saber se existe uma brecha para fazer usos durante viagem, ou lidar com qualquer coisa que não tenha ligação direta com o teste. Exemplo: Usar Velocidade do Pensamento em Vancouver para correr mais rápido, Conjurar os Mortos para chamar Roland ou conversar com um espírito qualquer, inclusive o totem com Comunicação com Espíritos.]
avatar
The Grand Wizard [Passo]
Admin
Admin

Mensagens : 1891
Data de inscrição : 24/12/2010
Idade : 26
Localização : Pra lá de Além Paraiba

Ver perfil do usuário http://lobisomemoapocalipse.livreforum.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ronny Romeiro "Passolargo" - Paradoxo (Subida de posto)

Mensagem  LeoPrata em Qui 27 Fev 2014 - 16:02

Testes:
Passolargo rolou 6D10 para teste mental, Obtendo: 5-6-1-7-5-8 [Diff:6]
Resultado: 2 Sucessos.


Ronny pensa que talvez rituais e habilidades naturais inerentes aos Garou ele possa usar. O problema vai ser em algum caso extremo não ter auxílio de Dons e fetiches, se bem que mesmo para conseguir informações seria bem útil poder usar os presentes dos espíritos.

Basta informar apenas para um ou dois Garou de lá que sejam confiáveis em vez de vários. Mas caso os confiáveis espalharem para os errados, nada posso fazer, certo? Para quando será essa reunião? [Pergunto isso caso não esteja visível no bilhete] Essa divisão é apenas na Seita, ou os Garou de toda ilha seguem esse preceito, mesmo os que não sejam do Caern?

Língua de Prata - Que um apenas seja avisado já basta e com certeza os "errados" não vão ficar sabendo, isto só ocorrerá se você falhar. A reunião será para daqui a duas luas, estamos na lua crescente e por isso quando ela minguar todos já deverão estar avisados e na minha presença. Você terá o prazer de descobrir como são os membros da seita Comerciantes do Mar, posso somente adiantar que o território de influência é de bom tamanho.

O Senhor das Sombras após se retirar deixa Passolargo para se preparar, o bilhete nas mãos do Peregrino encontra-se fechado com um lacre/selo que Passo desconhece, talvez seja da linhagem de Língua de Prata ou até memso uma armadilha espiritual pronta para fuder com ele caso burle o estabelecido pelo Senhor das Sombras.

Enfim, Ronny parte e procura uma carona até Vancouver, um jovem Cliath rescém chegado a seita e de nome Stevensson Grymm (Cria de Fenris - Theurge - Hominídeo) o leva de moto até o centro de Vancouver, a jornada começa.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 37
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ronny Romeiro "Passolargo" - Paradoxo (Subida de posto)

Mensagem  The Grand Wizard [Passo] em Sex 28 Fev 2014 - 12:02

Escuto, satisfeito, então parto. Tinha tempo para chegar lá, assim como julgar um deles como merecedor da mensagem, procuro ignorar qualquer outra coisa caso contrario iria ficar em uma espiral de dúvidas e suposições. Imaginava que um bilhete selado pode ser uma baita confusão. Abrir ele pode revelar um papel branco sem nada, ou um punição espiritual.
Consigo uma carona até Vancouver, chegando lá dou adeus ao outro Cliath. Olho em volta, vejo como está a cidade e sua movimentação, sigo caminhando para o Pub Ilha Esmeralda caso seja próximo, caso contrário sigo em direção ao oeste, sabendo que para lá fica balsas que dão para ilha.

Caso o Pub sejam mais longe e não tenho dinheiro para pegar uma balsa, procuro uma área onde cantores ou qualquer outra apresentação urbana esteja ocorrendo, iria ali tentar conseguir ganhar uma grana.
Quero chegar na ilha logo, correr com um lobo na Penumbra não é bom, posso logo ter vários malditos na minha cola.
avatar
The Grand Wizard [Passo]
Admin
Admin

Mensagens : 1891
Data de inscrição : 24/12/2010
Idade : 26
Localização : Pra lá de Além Paraiba

Ver perfil do usuário http://lobisomemoapocalipse.livreforum.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ronny Romeiro "Passolargo" - Paradoxo (Subida de posto)

Mensagem  LeoPrata em Ter 11 Mar 2014 - 20:45

Passo ruma na direção Oeste da cidade para pegar uma balsa, seu dinheiro dá na conta para viagem que trasncorre sem incidentes. Um grupo de jovens canta ao som de um violão algumas músicas de bandas antigas como Pink Floyd, The Clash, entre outras. O Pub Ilha Esmeralda era frequentado por alguns Garou, um porto seguro e em especial gerido por um parente Fianna bastante influente.

Logo ao chegar ao Pub depois de andar algumas quadras o Peregrino nota que o movimento no local está bem fraco, apenas dois funcionários novos estão na parte do bar e somente uma mesa tem um casal comendo e bebendo. Sem ter muito tempo a perder Ronny procura saber sobre Fergus com um dos empregados que lhe diz apenas para esperar um pouco, pois, Fergus teve que sair mais não irá se demorar. Como estava procurando informações Ronny é meio que pego de surpresa quando um voz lhe fala...

??? - Figura difícil de se encontrar, perdido por aí.

Ao olhar quem lhe falara o Peregrino vê a figura de Douglas, Espírito Andarilho. Ambos estiverem em uma missão na cidade de Toronto, não tem um contato tão frequente mais a situação toda fora de Vancouver torno-os amigos. Após um cumprimento Douglas fala novamente...

Douglas - Bom reve-lo Ronny. Vamos beber algo, o Fergus daqui a pouco vai estar por aí (ele mostro uma bolsa com algumas garrafas mini de Whisky). São um presente pro Coroa, está sempre ajudando não custa as vezes agradar.

Um dos funcionários do Pub serve a bebida pedida por ambos e depois deixa-os a vontade para conversar.

Douglas - E aí o que conta de novo?


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 37
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ronny Romeiro "Passolargo" - Paradoxo (Subida de posto)

Mensagem  The Grand Wizard [Passo] em Ter 11 Mar 2014 - 22:14

Escuto os jovens tocando Pink Floyd, uma banda no qual apenas uma única música eu gosto. The Clash eu já tinha ouvido algumas vezes, mas quando trata-se de "velharia", o que realmente gosto é de Led Zeppelin ou os clássicos dos anos 50, penso em tocar La Bamba, um rapaz "latino" tão bonito como eu poderia arrancar uma grana desse modo. Violão já sabia tocar, meu velho pai tocava uma guitarra flamenca e uma gaita como ninguém e fez questão de ensinar músicas culturais dos Rom quando viu que eu só escutava "merda" Gaje, essa era outra alternativa. Não, quem sabe outro dia? Eu e a Alba não temos problemas em fazer dinheiro com apostas e truques, mas eis uma nova e formidável ideia, eu com uma guitarra e uma gaita, ela dançando com um vestido com uma longa saia colorida, como iria chover grana, mas não preciso tanto de dinheiro no momento para ficar aqui, siga em frente, Ritchie!

Minhas pernas com longas passadas acabam conduzindo-me para Ilha Esmeralda, um pub Fianna. Os Parentes deles são legais, em especial as belas garotas cheias de paixão, apesar disso por experiência própria não gostar dos Fianna que conheci, que julgam serem os únicos "bardos" da Nação Garou, como se todas as outras Tribos não tivessem suas próprias canções e características culturais. Certo, um dia tenho que dar uma lição em um Fianna arrogante.
Fergus, o velhinho bacana não estava presente, mas acabo tendo um encontro totalmente inesperado. Espírito Andarilho, um Uktena que criou uma amizade comigo por mais rápido que tenha sido nosso contado anterior. Sorrio cumprimentando ele, e pensando como o conheci. Esse nego safado adora uma bela Parente Fianna branquinha! Não é à toa que elas adoram um macho de outra Tribo, todos os Fiannas estão ocupados demais bebendo ou cantando sobre fadas, enquanto isso os espertos caem de boca em suas lindas Parentes. Entre um copo de bebida e uma mulher doce, prefiro meus lábios tocando à segunda opção.

Ronny - É como dizem, quem é vivo sempre aparece... mas o mesmo serve para os mortos. - termino falando de modo sério e sombrio, mas logo volto demonstrar alegria. - Não esperava um encontro fortuito como esse. Não vim beber, mas aceito um brinde.

Sento com ele no bar, peço uma garrafa de cerveja American Stout, forte e ideal para depois seguir viagem. Espero tem dinheiro para isso e para o resto da viagem, ou melhor, ele convidou, ele paga.

Ronny - Só vou tomar essa, por sua conta, pode ser? Tenho uma viagem para fazer, amigo. Adivinhe? Dou um sorriso sem malícia nem arrogância, talvez com um pouco de cansaço transparecendo, espero ele chutar antes de falar. - Desafiei Língua de Prata, um Ragabash Senhor das Sombras para subir de Posto, um brinde a isso?

Ofereço meu copo para brindarmos, então continuo falando, após beber metade do copo.

Ronny - Tenho duas luas para reconhecer ao menos um do Povo como digno de uma informação na seita do Comerciantes do Mar, em Victoria, supostamente o lugar é difícil de ser encontrado e só usando das habilidades naturais terei que descobrir quem eu posso confiar lá, para então entregar uma mensagem do Senhor das Sombras.

Tomo mais um pouco, e escuto o que ele tem para disser, então falo mais uma vez, vendo se ele tem alguma ajuda extra para oferecer. Enche o copo novamente após beber o restante no copo.

Ronny - Já esteve lá ou conheceu alguém dessa seita? Quero ver se pego uma balsa para lá, desejo estar na ilha o quanto antes, mas nunca vi como funciona, terei que dar um jeitinho.





Frases de Ronny
- Você não deve esperar de mim nada além de escárnio, lisonja e mentiras. E jamais dê as costas para mim, filho da puta!
- Eu sou tolo por dizer que você é um idiota de primeira e apontar seus erros? Não há tolice maior do que ficar contra mim, é justamente isso que você fez, tolo.
- Inimigos suficientemente perfurados, mordidos, partidos ou explodidos, ou seu dinheiro de volta.
- Eu perguntei se eles queriam resolver tudo de um modo fácil. Fácil para mim.
- "Totalmente" é o meu modo favorito de FUDER as coisas!


Narração
- Minha Fala -
Pensamento
[Sobre a Rolagens de dados e detalhes do Sistema]
avatar
The Grand Wizard [Passo]
Admin
Admin

Mensagens : 1891
Data de inscrição : 24/12/2010
Idade : 26
Localização : Pra lá de Além Paraiba

Ver perfil do usuário http://lobisomemoapocalipse.livreforum.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ronny Romeiro "Passolargo" - Paradoxo (Subida de posto)

Mensagem  LeoPrata em Qui 13 Mar 2014 - 15:21

Passo cumprimenta Douglas dizendo...

Ronny - É como dizem, quem é vivo sempre aparece... mas o mesmo serve para os mortos. - termino falando de modo sério e sombrio, mas logo volto demonstrar alegria. - Não esperava um encontro fortuito como esse. Não vim beber, mas aceito um brinde.

Douglas - Você tem um gosto estranho pela funebridade, se é que essa palavra existe.

Depois de já estarem acomodados começam a conversar...

Ronny - Só vou tomar essa, por sua conta, pode ser? Tenho uma viagem para fazer, amigo. Adivinhe? Dou um sorriso sem malícia nem arrogância, talvez com um pouco de cansaço transparecendo, espero ele chutar antes de falar.

Douglas - A bebida é por minha conta, sem problemas. Quanto a viagem, será que te deram outra tarefa nada agradável como a última, acertei?

Ronny - Desafiei Língua de Prata, um Ragabash Senhor das Sombras para subir de Posto, um brinde a isso?

Douglas - Um brinde meu amigo e devo dizer que você sabe escolher bem seus desafiantes. O que vai ser para logo você se tornar um posto mais elevado?

Ronny - Tenho duas luas para reconhecer ao menos um do Povo como digno de uma informação na seita do Comerciantes do Mar, em Victoria, supostamente o lugar é difícil de ser encontrado e só usando das habilidades naturais terei que descobrir quem eu posso confiar lá, para então entregar uma mensagem do Senhor das Sombras.

Douglas - Victoria heim!!! Meu povo tem um Caern na reserva do Cowichan Lake e faz fronteira com o extremo sul da cidade de Victoria, talvez tenha alguém do meu povo por lá que conheça essa seita melhor e até te ajude a chegar lá.

O Peregrino bebe mais um pouco analisando o que dissera Douglas e fala...

Ronny - Já esteve lá ou conheceu alguém dessa seita? Quero ver se pego uma balsa para lá, desejo estar na ilha o quanto antes, mas nunca vi como funciona, terei que dar um jeitinho.

Douglas - Nunca estive na Comerciantes do Mar, mais pelo nome você vai achar muitos descendentes de ingleses e espanhóis por lá, só um palpite. Se quiser pegamos um taxi e te deixo na área das balsas, do contrário podemos ir até Port Alberni e de lá até a seita Guarda Banido, meu povo é bom por conhecer alguns segredos.

Douglas sorri e espera a decisão de Ronny que no momento pondera as melhores opções a tomar. Língua de Prata não disse nada a respeito de captar informações em outra seita ou mesmo ter um "guia" até próximo do local, e sendo um teste de um Lua Nova a astúcia deve ser contemplada no entendimento do Peregrino.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 37
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ronny Romeiro "Passolargo" - Paradoxo (Subida de posto)

Mensagem  The Grand Wizard [Passo] em Qui 20 Mar 2014 - 8:43

Douglas - Um brinde meu amigo e devo dizer que você sabe escolher bem seus desafiantes.

É mesmo? Não penso assim.
Escuto ele, talvez tenha sido a Coruja quem colocou ele em meu caminho, mas de mesmo modo sei que pode não ser bem isso. Entretanto, saber de outra seita por lá e que talvez possa ajudar é algo bom.Cowichan Lake? Lembre-me caso eu esteja errado, mas nada foi falado que eu não poderia contar com ajuda de outros Garou par achar e entrar na tal seita. Além disso, um Peregrino Silencioso deve saber firmar uma amizade com seitas diferentes, um ponto extra para mim?
Mato de uma vez por todas minha cerveja, suspiro e falo um pouco feliz.

Ronny - Legal então. Aceito novamente que gaste uma grana comigo, amigão. Irei primeiro ir nessa seita em Cowichan Lake quando chegar na ilha, talvez alguém de lá de sua confiança possa seguir comigo até os Comerciantes do Mar, como é relação dessas duas seitas entre si? O que acha que posso conseguir em Port Alberni? Uma ponte da lua até os Comerciantes, ou descobrir quem lá tem algum entendimento com Língua de Prata? Afinal de contas, devo descobrir quem é merecedor de receber a mensagem dele.

Deixo ele me guiar, procuro saber quantas horas são enquanto sigo com ele para Port Alberni caso a resposta dela pareça agradar meus instintos, caso contrário deixo ele me levar até as balsas. Seja como for, creio que tenho algumas cartas na manga. Pena que não gosto de sair gastando meus recursos... vou por enquanto depender dos outros. Ou será na verdade aproveitando deles? Tanto faz. Todos os caminhos irão levar até os Comerciantes do Mar.
avatar
The Grand Wizard [Passo]
Admin
Admin

Mensagens : 1891
Data de inscrição : 24/12/2010
Idade : 26
Localização : Pra lá de Além Paraiba

Ver perfil do usuário http://lobisomemoapocalipse.livreforum.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ronny Romeiro "Passolargo" - Paradoxo (Subida de posto)

Mensagem  LeoPrata em Qua 26 Mar 2014 - 18:34

Douglas pede a conta enquanto Ronny termina sua cerveja e fala de maneira mais leve...

Ronny - Legal então. Aceito novamente que gaste uma grana comigo, amigão. Irei primeiro ir nessa seita em Cowichan Lake quando chegar na ilha, talvez alguém de lá de sua confiança possa seguir comigo até os Comerciantes do Mar, como é relação dessas duas seitas entre si? O que acha que posso conseguir em Port Alberni? Uma ponte da lua até os Comerciantes, ou descobrir quem lá tem algum entendimento com Língua de Prata? Afinal de contas, devo descobrir quem é merecedor de receber a mensagem dele.

Douglas sorri e responde a sua maneira, calmamente...

Douglas - A seita Guarda Banido e os Comerciantes do Mar não possuem nenhuma relação específica, meu povo pouco precisou deles e eles pouco de nós. Entretanto por sermos "vizinhos" se podemos chamar assim, a seita Uktena conhece o local de entrada da seita Comerciantes do Mar. Não é todo lugar que tem um totem antigo e raro como lá, o Velho Oceano, dizem que uma seita protegida por ele sabe de tudo que se passa a sua volta. Será? Port Alberni além de ser uma cidadezinha tranquila tem uma boa quantidade de parentes, não só dos Wendigo mais também de gente de fora como Andarilhos e até Senhores das Sombras, é um refúgio para quem quer se manter perto e ao mesmo tempo longe da agitação de Victoria e Vancouver. Quanto a ponte da lua acho difícil, mais uma pessoa que o leve até o local no mundo físico de entrada para seita isso podemos arrumar sem problemas.

Após a conta paga Douglas pega um táxi, não é uma viagem longa e em pouco mais de 40 minutos ambos estão na entrada da simpática Port Alberni. Douglas vai caminhando até uma pequena loja, ele parece conhecer razoavelmente o lugar. Assim que entram ele fala com um velho que está atrás do balcão tomando conta da loja...

Douglas - Olá Maloy, bom te rever. Alguns dos irmãos já estiveram aqui hoje? Sabe se é um bom dia para ir até a reserva? Este é Ronny Romeiro, um bom amigo Peregrino Silencioso e precisando de um guia até a seita dos Comerciantes do Mar.

Assim que Douglas fala da seita dos Senhores das Sombras o velho Maloy coça o queixo e diz em tom baixo e desanimado...

Maloy - Não sei muito sobre esses caras, mais já me disseram que anualmente eles fazem uma celebração bem estilo "bucaneiro". Muita bebida, mulheres e jogos de estratégia. Nessa época a distância entre as duas principais famílias por lá cessam e todos celebram. Pode ser que alguém de fora aparecendo por lá cause problemas. Desculpe estar falando demais, sou só um velho querendo ajudar.

Douglas sorri e fala de forma irônica para Ronny...

Douglas - Boa hora escolhida por Língua de Prata.

Ronny prevê mais trabalho, porém, conseguiu mais algumas informações em Port Alberni. Um guia talvez tenha algo a mais para lhe contar.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 37
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ronny Romeiro "Passolargo" - Paradoxo (Subida de posto)

Mensagem  The Grand Wizard [Passo] em Qua 26 Mar 2014 - 19:31

Off: Aproveitando que a internet ainda está funcionando.

Guarda Banido e os Comerciantes do Mar, próximos uns dos outros. Parece que nossas forças não estão frágeis como imaginamos, em outros tempos era outra conversar dois caerns serem muitos, mas em um espaço como esse acho esses números bons. Então os Uktena poderão mostrar para mim a entrada da outra seita, isso simplifica as coisas, mas creio que terei muito ainda para lidar.

Chegando Port Alberni, observo bem o lugar, procurando guardar na memória e instintos tudo que vejo, cheiro e escuto. O lugar parece agradável para um simples humano viver, mas sei que muito mais espera por mim, assim que escuto a ironia de Douglas, dou um sorriso e digo com uma voz afiada, enquanto pisco para o velho que parece mais um dos tantos que já conheci e gostei pelos seus jeitos simples.

Ronny - Muita bebida, mulheres e jogos de estratégia? Ora, para mim não parece um mau momento, eu justamente adoro tudo isso! Creio que serei muito bem vindo.

Esse Parente ou outro pode me levar até o caern dos Comerciantes do Mar, entretanto talvez algum Uktena do Guarda Banido possa ajudar de outro modo... não, quando chegar no meu destino vou usar meu tempo para descobrir quem deve receber o convite. Só não posso perder tempo, acasos ocorrem e o maldito Senhor das Sombras fixou uma data.

Ronny - Um guia rápido e seguro faz meu tipo, mas aceito qualquer um que possa me levar até à porta de lá. Escute! As mulheres de lá clamam por mim. Não deixemos elas na espera.

Falo com uma pequena brincadeira na voz para aliviar o clima, mas falo seguramente, determinado à seguir em frente de modo rápido. Sei que encontrar o caern é apenas uma rota para o destino que me foi imposto. Sigo com eles, até um guia ou caso o Parente decida levar eu até a seita. Caso sou deixado sozinho por algum momento, seja na loja ou quando tenho que parar na estrada para dar uma mijada, procuro pensar em Éolo, comunicar-me com o totem de minha alcateia.

Névoa, você é o único "bloqueio" que permito atrapalhar meu caminho, todo o resto merece um chute no mínimo. Pode oferecer algum conselho ao seu tolo filho?

Sigo caminho então, deixando alguém me guiar, por enquanto ao menos.
avatar
The Grand Wizard [Passo]
Admin
Admin

Mensagens : 1891
Data de inscrição : 24/12/2010
Idade : 26
Localização : Pra lá de Além Paraiba

Ver perfil do usuário http://lobisomemoapocalipse.livreforum.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ronny Romeiro "Passolargo" - Paradoxo (Subida de posto)

Mensagem  LeoPrata em Ter 1 Abr 2014 - 16:05

Maloy sorri ao escutar as palavras confiantes de Ronny e retruca as perguntas que Douglas fizera...

Maloy - Os Uktenas não estiveram aqui hoje meu amigo e creio que por isso seja um bom dia para ir até a reserva.

Depois o velho parente fala de forma mansa para o Peregrino...

Maloy - Alguns anos a menos e ajudaria você meu jovem, mais acho que outra pessoa mais ágil facilitará sua chegada até os comerciantes do Mar. Podem usar a caminhonete, está com gasolina e limpa.

Maloy joga as chaves do carro, Douglas lhe agradece e os Garou partem até a entrada da reserva. Mesmo antes de entrar no local já é possível sentir a brisa mais fria e a pureza no ar, bem como a força exuberante da Wyld.

Douglas - Mais uns 500 metros e estaremos encobertos pelo mato, poderemos mudar para Lupus e avançar com mais facilidade até as divisas da seita Guarda Banido. Espero que esteja preparado para uma "caminhada".

Ronny analisa todo o terreno procurando guardar bem o local, cheiros e sons. Ele e Douglas passam por lugares de mata fechada e morros íngremes, passagens estreitas e descidas perigosas até chegar a beira de um lago com uma paisagem de encher de alegria o coração do mais sisudo Andarilho do Asfalto.

Douglas - Cowichan Lake, estamos próximos da divisa da seita e eles são bem tradicionalistas, assim devemos nos apresentar de manera formal.

Douglas uiva e se apresenta e espera Passolargo fazer o mesmo, não tarda para aparecerem 1 homem e dois lobos de pêlos negros com alguns rajos brancos. O homem tem aparência indígena mais puxada para um esquimó, ele fala de forma calma e simples...

??? - Olá Espírito Andarilho e Passolargo, me chamo Kanto Pena Branca e sou Parente do Povo Uktena. Sou acompanhado pelos gêmeos guerreiros Mancha da Morte e Birna Rasga Malditos. O que procuram nesta seita irmãos?

Douglas explica que precisam de um guia para chegar até a seita Comerciantes do Mar, Kanto assenti com a cabeça e fala...

Kanto - Venha primeiro você Espírito Andarilho, fale com o mestre espiritual da seita. Você Passolargo, Mancha da Morte me diz que um espírito quer lhe mostrar algo, aquela pedra na margem direita do lago é um lugar de reflexões, pode usá-la para contactar com o espírito que está junto a ti.

Douglas, o parente e um dos lobos (Mancha da Morte) entram na seita, enquanto Birna fica a observar o Peregrino. Depois de pouco tempo relaxado no local indicado Passo fica envolto em uma névoa fina e fria, dentro dela ele consegue ver algo parecido com o mar e "acima" dele grandes plataformas com casas e embarcações. Até aí nada de incomum, mais ele também vê um tipo de peixe muito grande que parece proteger os arredores dessas plataformas.


Shape shift, nose to the wind; Shape shift, feeling I have been; Move swift, all senses clean; Earth's gift; Back to the meaning of wolf and man. "Metallica - Of Wolf and Man".

Ficha de JJ Silver
avatar
LeoPrata
Admin
Admin

Mensagens : 1333
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 37
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ronny Romeiro "Passolargo" - Paradoxo (Subida de posto)

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum