PRIMEIRO PRESSAGIO

Página 2 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Lua em Seg 18 Jan 2016 - 22:35

Mitzuki ouviu o relato com uma atenção tão grande que chegou a parecer uma criamça ouvindo um conto. E, claro, as partes que mais demonstrou apreciar foram aquelas em que os heróis usvam a inteligência para triunfar.

Ao fim disse apenas:

- Uau, você sim que fez coisas.

Mas era um elogio sincero e transparecia que a ragabash o respeitava um pouco mais depois da história. E respeito, vindo de um ragabash, nunca é de se desdenhar.

Depois ela acrescentou:

- Esse Uivo do Vento, eu já cumpri uma missão para ele. Trouxe seu irmão, que estava sendo perseguido em seu país, ao Canadá. Não sei muito mais - disse olhando os uktena com o rabo do olho  - tudo foi tratado com meus mentores na época, eu só executei.

"Tive sorte, tudo correu bem.' - finalizou, com uma certa aversão cultural ao autoelogio que muitas vezes soava estranha para os garous.




*Rodrigo*Alexey    *Mitzuki  


ação pensamento fala   /   narração diálogo

Esta é uma obra de ficção. A menos que você seja um lobisomem, qualquer semelhança com nomes, pessoas, fatos ou situações da vida real terá sido mera coincidência.
avatar
Lua
Admin
Admin

Mensagens : 1775
Data de inscrição : 28/07/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Alexyus em Ter 19 Jan 2016 - 5:59

- Uau, você sim que fez coisas.

Alaín sorriu modestamente:

- Não estava sozinho, agimos juntos, mesmo quando era difícil trabalhar em grupo. Só assim conseguimos o que sozinhos seria impossível.

- Esse Uivo do Vento, eu já cumpri uma missão para ele. Trouxe seu irmão, que estava sendo perseguido em seu país, ao Canadá. Não sei muito mais - disse olhando os uktena com o rabo do olho - tudo foi tratado com meus mentores na época, eu só executei.

"Tive sorte, tudo correu bem.'

Triunfo assentiu, sabendo que Anton era uma presença forte entre a Nação. Acrescentou brandamente:

- Teria prazer em ouvir os detalhes, quando se sentir à vontade para compartilhá-los. Tenho certeza que, junto com a sorte, seus esforços foram admiráveis. Uivo do Vento é um dos anciãos de Fonte Fria, o caern no Brasil onde estive recentemente. É um garou bem conhecido, e um presa de prata bastante digno.

O cuidado com os ouvintes não tinha sido esquecido por Alaín, que não queria passar a imagem errada para os uktenas.
avatar
Alexyus
Presas de Prata
Presas de Prata

Mensagens : 1783
Data de inscrição : 14/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Espirito-Inquieto em Ter 19 Jan 2016 - 9:58

O Glabro prestava atenção em Nadira, porém parecia confuso com algumas coisas que você falava.
- Carnaval?! Parece com algum ritual, é isso?
Ele se apresentava também.
- Ah sim, sou Fim-do-Inverno. Acho que é a primeira vez que os nossos anciões pedem ajuda para outros povos, por isso espero que você esteja certa, porque se falharem provavelmente vai ser a ultima vez que pediram, e mais uma vez devemos sumir ao ventre da floresta de Vancouver.
Fim-do-Inverno colocava a mão no próprio rosto como sinal de desaprovação com o que falou, e tentava remediar.
- Desculpe, não tenho bons modos como os criados entre humanos. Somos uma das poucas matilhas inteiras de Lupinos dos Uktenas, tentamos nos distanciar da Aranha, mas ficamos tão distantes que não entendemos algumas coisas, acho que foi por isso que pela primeira vez eles tentam confiaram em vocês que andam com os macacos e até mesmo em povos mais distantes como os seus. Espero que você esteja certa e que Gaia conduza vocês.

O som da flauta desaparecia, escutando apenas os som dos tambores agora.
Reunidos em volta de Alaín, os Uktenas ficavam cada vez mais curiosos a cada palavra da historia e em pouco tempo aquilo tinha se formado algo mais parecido com uma plateia com olhares de curiosidade e espanto.
O ponto alto foi o momento do enigma, eles escutavam atentos, esperando pelo desfecho do mesmo, mas escutavam "Eu decifrei o enigma, mas não lhes contarei qual era.", alguns deles ficavam pasmos, não esperavam por isso. Uns queriam até tentar decifrar ele, mas viram que a historia continuava, então voltaram a atenção novamente, quem sabe teria mais algum enigma para decifrarem, ou algum segredo quem sabe, e é logico que a curiosidade deles os alimentavam com cada fato a mais que ele contava sobre aquela historia.
Na pausa que Alaín fazia, ele escutava alguns deles perguntando o que aconteceu...
Logo que Alaín voltava a falar eles faziam silencio de novo e com a chegada de Mitzuki, eles ficavam mais curiosos.
Quando ela falava que conhecia alguém da historia e Alaín terminava a dele, eles voltavam a atenção para Mitzuki achando que ela contaria também.
Um dos mais novos estava quase encostando o focinho nela para escutar, mas ela acabava falando dos mentores.
No fim da historia Folhas-do-Futuro que também estava por perto escutando a historia, falava.
- Ótima historia Triunfo-de-Gaia, deixou meus irmãos e filhotes com uma ocupação pelo resto da noite para descobrir o enigma, então acho melhor dormirem um pouco ou ficaram te perguntando durante toda noite.
O ancião falava um pouco bem humorado, enquanto os outros abaixavam a cabeça quando o plano deles ia por água a baixo.

Folhas do Futuro falava com os três.
-Venham comigo, esta noite dormiram como um de nos.
Folhas-do-Futuro levavam vocês até uma gruta oculta pela floresta, algumas tochas após um inicio escuro, levavam vocês a beleza daquela gruta.



Dava para ver algumas penas enfeitando aquele lugar, e símbolos talhados nas paredes. Depois de pouco tempo você chegavam até o local ao qual dormiam, existiam algumas folhas e penas no chão, o local era mais quente que o lado de fora, para lobos parecia ser um local confortável.
-É aqui que dormimos, descansem bem! Amanhã de manhã contarei a vocês o que aconteceu para que possam seguir a diante.


Espirito-Curioso (Ficha)

- Fala -
"Pensamentos"
Narrações

Código:
[color=#0099ff]- Fala -[/color]
[color=#009900]"Pensamentos"[/color]
[i][color=#999900]Narrações[/color][/i]
avatar
Espirito-Inquieto

Mensagens : 262
Data de inscrição : 18/12/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Cetza em Ter 19 Jan 2016 - 12:21

O Glabro prestava atenção em Nadira, porém parecia confuso com algumas coisas que você falava.
- Carnaval?! Parece com algum ritual, é isso?

Nadira ria de leve com a pergunta do jovem pelo seu desconhecimento acerca daquela importante data para os brasileiros. A jovem ficava imaginando aquela festa e o jovem lobinho lá no meio perdido... -- Bem... de certa forma é um ritual... Quem sabe um dia eu te mostre como é... Pouca informação e muitos joguinhos... era assim que os bastes se relacionavam e talvez isso justificava o fato que nem eles se aturavam por muito tempo. Nadira apenas sorria de forma misteriosa e convidativa, Nadira queria criar um contato naquele Caern ou ao menos alguém em quem podia confiar.

Ele se apresentava também.
- Ah sim, sou Fim-do-Inverno. Acho que é a primeira vez que os nossos anciões pedem ajuda para outros povos, por isso espero que você esteja certa, porque se falharem provavelmente vai ser a ultima vez que pedirão, e mais uma vez devemos sumir ao ventre da floresta de Vancouver.
Fim-do-Inverno colocava a mão no próprio rosto como sinal de desaprovação com o que falou, e tentava remediar.
- Desculpe, não tenho bons modos como os criados entre humanos. Somos uma das poucas matilhas inteiras de Lupinos dos Uktenas, tentamos nos distanciar da Aranha, mas ficamos tão distantes que não entendemos algumas coisas, acho que foi por isso que pela primeira vez eles tentam confiaram em vocês que andam com os macacos e até mesmo em povos mais distantes como os seus. Espero que você esteja certa e que Gaia conduza vocês

Nadira franzia o ceno com a primeira frase de Fim-do-Inverno, a bastet ainda tentava se acostumar os modos rudes dos garou, já imaginando sua total falta de trato sendo confirmada quando o garou falou que era um lupino, Nadira abria um sorriso complacente enquanto ouvia as desculpa do garou, o que por si só era um mais do um prêmio. A jovem colocava a mão em seu ombro sorrindo, como se aceitasse as desculpas do garou. -- Não se preocupe, sei como é isso. É difícil confiar em alguém... mas... o ancião de vocês veio até nós por intermédio da vontade de Nala... Daremos um jeito ouviu. Nadira reconfortava o garou ouvia o ancião Folhas do Futuro chamando-os três visitantes. -- Acho que está um pouco tarde... melhor eu ir... Nadira se afastava não sem antes olha-lo uma vez mais sorrindo.

Na caverna escreveu:Folhas do Futuro falava com os três.
-Venham comigo, esta noite dormiram como um de nos.
Folhas-do-Futuro levavam vocês até uma gruta oculta pela floresta, algumas tochas após um inicio escuro, levavam vocês a beleza daquela gruta.
Dava para ver algumas penas enfeitando aquele lugar, e símbolos talhados nas paredes. Depois de pouco tempo você chegavam até o local ao qual dormiam, existiam algumas folhas e penas no chão, o local era mais quente que o lado de fora, para lobos parecia ser um local confortável.
-É aqui que dormimos, descansem bem! Amanhã de manhã contarei a vocês o que aconteceu para que possam seguir a diante.

Nadira se impressionava com a beleza da caverna mas não se imaginava dormindo ali, não era tão felina a ponto de dormir em uma caverna, ela crescera na cidade dos duas patas porém o seu território era uma bela campina onde ela podia caçar e depois tomar uma ducha quente em seu apartamento... com certeza não havia dom melhor do que aquele, mas por hora ela era convidada dos Uktenas e devia se sentir honrada pela a acomodação. A jovem deitava-se próxima a água, gostava de ouvir o som de água para ajuda-la a dormir. -- Muito obrigada por sua hospitalidade, aguardarei ansiosa. Nadira voltava-se aos garou dando-lhes boa noite. -- Boa noite, amanhã será um ótimo dia...


----------------------------------------
Ação/Narrativa
Pensamento/Off
Falas

Ingrid Nadira Kaif  Shaira Menefer Hellen B Earp
avatar
Cetza

Mensagens : 695
Data de inscrição : 07/09/2015
Idade : 32

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Lua em Ter 19 Jan 2016 - 12:44

Mitzuki não estranhou muito a caverna. Era bela e um abrigo daquele tipo era mais do que esperado por quem se candidata a ajudar lupinos uktenas.

Só sentiu falta de um lugar para assear-se. Ela era muito limpa. A descrição da caverna mal-cheirosa da história de Alain ainda rodava em seu cérebro. Ela não se importava que se lançasse um companheiro débil em um abismo… agora, que o abismo fosse sujo…

Mas o lugar parecía ok, ademas de um certo cheiro de lobo que não incomodava tanto assim. Sempre era melhor que o de seres humanos.

Procurou um cantinho separado para enrolar-se e procurou dormir. Estava ansiosa pelas explicações do dia seguinte e pelo início da ação.

Me sairei melhor desta vez? Ou salvar minha vida terá sido um erro do Camaleão?


*Rodrigo*Alexey    *Mitzuki  


ação pensamento fala   /   narração diálogo

Esta é uma obra de ficção. A menos que você seja um lobisomem, qualquer semelhança com nomes, pessoas, fatos ou situações da vida real terá sido mera coincidência.
avatar
Lua
Admin
Admin

Mensagens : 1775
Data de inscrição : 28/07/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Alexyus em Ter 19 Jan 2016 - 13:37

O comentário de Folhas-do-Futuro fez com que Alaín risse, achando divertido o interesse curioso dos jovens uktenas. Tinha certeza de que, se fossem espertos o bastante e pensassem nas palavras que a velha do chá disse em seguida, eles imaginariam quase corretamente o enigma proposto.

Apesar de notar que Mizuki continuava reticente em falar de si mesma e os uktenas mantinham seus mistérios reservados como esperado, sendo Alaín o único que se mostrava aberto a falar, isso não lhe incomodava. Tinha aproveitado a oportunidade de realçar as melhores qualidades de sua tribo na memória daqueles garous, e isso era uma recompensa para ele.

Seguiu Folhas-do-Futuro atrás de Nadira e Mitzuki para o local onde iriam dormir. A caverna era bela e impressionante, e Alaín se atentou às decorações de penas e plantas nas paredes.

"A hospitalidade deles difere de tudo que eu já vi em uktenas, ainda mais lupinos. Eles devem estar realmente desesperados por ajuda."

Alaín fez uma mesura de agradecimento ao ancião:

- Obrigado por nos permitir dormir aqui, Folhas-do-Futuro-rhya. Me sinto honrado por seu gesto.

Alaín bebeu um pouco da água no riacho e deitou-se ao lado do túnel que levava à saída, dormindo em alerta.

Antes de adormecer, refletia em suas ações, em suas relações com o Falcão Peregrino, com sua matilha, com seus Parentes, com os garous que conhecera e como todos esses estariam agora.
avatar
Alexyus
Presas de Prata
Presas de Prata

Mensagens : 1783
Data de inscrição : 14/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Espirito-Inquieto em Ter 19 Jan 2016 - 14:57

A festa acabava, todos se retiravam e dormiam pois o outro dia seria longo e cansativo. Durante o resto da noite, alguns Uktenas rondavam pelo interior da gruta e a entrada da mesma, protegendo a matilha de surpresas noturnas... Felizmente nada ocorria naquela noite, todos dormiam seguros, inclusive os convidados.

Na manhã seguinte os três acordavam em tempos aproximados, devido a movimentação da gruta. Havia alguma comida na gruta, os Uktenas comiam e lhes convidavam a participar. Hoje eles não estavam tão festivos como na noite anterior, porém continuavam os tratando bem, bom claro com as peculiaridades de lupinos. A refeição não se prolongava muito, apenas o tempo necessário.

Folhas-do-Futuro, vós convidava para o lado de fora.
- Acompanhe-me, lhes direi tudo que precisam.
O lupino os acompanhavam até o lado de fora, lá ele falava olhando para a floresta. Ele então começava a falar:
-  A algum tempo atrás, um dos nossos irmãos fazia uma busca aos arredores a procura de qualquer coisa que pudesse ser uma ameaça para nossa matilha, seja um macaco, a aranha ou pior, algum servo da Wyrm. É algo rotineiro que fazemos para evitar qualquer proliferação de problemas que poderiam crescer o suficiente para nos trazer problemas. Um certo dia qualquer, com o Sol ainda evidente no céu, ele saiu e nunca mais voltou.
Ele abaixava a cabeça por uns instantes e depois voltou a olhar para o horizonte.
- Enviamos então três dos nossos, e um deles estava nosso corajoso guerreio Fúria-da-Wyrm, apesar de não ser um dos nossos guerreiros mais experientes, ele era corajoso como nunca vi até hoje. Fatos que fariam a maioria dos guerreiros recuarem, fariam ele avançar... Porém no dia que ele foi para as entranhas da floresta junto com Cheiro-de-Gaia e Tormenta-na-Tempestade, nos escutamos o Uivo de terror e agonia vindo do Fúria-da-Wyrm, após isso os três desapareceram, nunca mais os encontramos.
Folhas-do-Futuro estava com um olhar de espanto.
- Tentamos muitas vezes descobrir o que tinha o corrido naquele dia, muitos foram, todos voltaram, mas ninguém descobriu o que tinha acontecido com eles. Achamos que tenha ocorrido algo que não compreendemos por estarmos tão isolados de algumas coisas. E então em um certo dia eu tive o sonho que me mostrou uma esperança vinda de estrangeiros, e é assim que vocês estão aqui hoje.
Ele olhava para o Oeste e falava.
- Devem avançar pelas grandes arvores em direção ao Oeste, até encontrarem algumas arvores com folhas vermelhas. Foi naquela proximidade que os nossos três  desapareceram, após darem uivos de agonia. Por isso sejam cautelosos, não queremos mais perdas, precisamos que descubram quem fez isso ou o que fez isso, para que nossos guerreiros vinguem a morte daqueles que em algum dia lutaram por nos.
Um lobo adulto de pelagem negra e algumas pelagens marrons, algumas cicatrizes e um olhar obscuro como o abismo.
- Este é Abismo-da-Wyrm, um de nossos Theurges. Notei que nenhum de vocês pertence a esta lua, por isso ele os acompanhará até lá, caso precisem do seu conhecimento.
- Que Gaia esteja com vocês!



Espirito-Curioso (Ficha)

- Fala -
"Pensamentos"
Narrações

Código:
[color=#0099ff]- Fala -[/color]
[color=#009900]"Pensamentos"[/color]
[i][color=#999900]Narrações[/color][/i]
avatar
Espirito-Inquieto

Mensagens : 262
Data de inscrição : 18/12/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Cetza em Ter 19 Jan 2016 - 18:09

A noite na bela caverna dos Uktenas havia sido por deveras que agradável, o sono de Nadira fora embalado pelo doce som das águas subterrâneas, a jovem sonhava em correr por entre as árvores daquelas florestas gélidas caçando alces quando, devido aos movimentos na entrada da caverna, a bastet era uma das primeiras a acordar, sentindo a falta de assear-se ela não pensava duas vezes em mergulhar naquela laguna, a jovem descia lentamente sentindo a água gelada batendo em seu corpo, enquanto mergulhava Nadira mudava sua forma para a de grande felina, suas roupas, óculos e armas mesclavam com listras rajadas de sua pelugem. Com suas garras possantes Nadira ia até ao fundo da laguna e voltava num único fôlego, seu olhar penetrante observava os seus companheiros enquanto a bastet, majestosamente caminhava por entre seus primos garou esperando que os mesmos acordassem. Em pouco tempo, Folhas-do-Futuro se apresentava ao grupo chamando-os para informa-los sobre a missão que teriam. Nadira ou melhor Rugido de Maat ( Deusa da justiça do antigo Egito) ficava sentada, sua forma avantajada e majestosa a destacava entre os garou, a bastet ouvia atentamente as instruções de Folhas-do-Futuro e ficava feliz em poder percorrer aquela floresta e ate quem sabe ver algum grande felino por aquelas bandas. " Hum... quatro lobos desaparecidos... ainda mais um guerreiro experiente..." Rugido de Maat olhava para Triunfo de Gaia, por sua natureza seria natural Rugido de Maat pleitear uma posição de liderança naquele grupo mas preferia deixar o caminho aberto para o Presa de Prata, não por sua 'raça' mas sim por se tratar de garou... Rugido de Maat aceitaria de bom grado a posição secundária, porém não hesitaria em questionar suas más ideias. Ela esperava o Presa de Prata pronunciar-se como líder daquele grupo, coisa que ela achava idiota mas que os garou adoravam...
-- Vai ser como caçar algo em uma floresta... Rugido de Maat olhava para o theurge, naquela forma Nadira era bem menos expressiva exceto por seu penetrantes que causavam fascínio e inquietação, sua longa calda balançava inquietantemente como se ansiasse pela caçada. -- É um prazer Abismo-da-Wyrm, seja o que foi que caçou os seus irmãos... nós o mataremos...


----------------------------------------
Ação/Narrativa
Pensamento/Off
Falas

Ingrid Nadira Kaif  Shaira Menefer Hellen B Earp
avatar
Cetza

Mensagens : 695
Data de inscrição : 07/09/2015
Idade : 32

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Lua em Ter 19 Jan 2016 - 18:56

Mitzuki despertou ao mesmo tempo que os demais, fresca como uma rosa, pois tinha se asseado com discrição durante a noite.

Ao passar por Nadira, que mergulhava, nadava e chapinhava no lago gelado em sua forma felina, chacoalhou a cabeça, pensando: "Não é à toa é que ganhamos a Guerra da Fúria".

Sentou-se próximo aos uktena, que já não estavam no mesmo clima de festa da noite anterior mas ainda eram amáveis, e fez sua refeição com eles, procurando acompanhar seus hábitos, sem pretender ser uma lupina, mas aberta às experiências novas.

Então Folhas do Futuro chamou-os para fora da caverna. Acompanhou-o em silêncio, e em silêncio ouviu seu relato. Embora já não pertencesse à matilha, pessoalmente mantinha-se devotada ao totem Camaleão. Estava indissoluvelmente obrigada a ele por ter salvo sua vida. Ademais, a exigência dele quadrava muito bem com a personalidade de Mitzuki: não agir antes de conhecer a situação completa.

Assim, ela preferiu escutar atentamente o que todos tinham a dizer antes de manifestar-se, procurando não perder nenhum detalhe do relato e pensando no que poderia haver ocorrido com aqueles garous.

Quando Abismo-da-Wyrm foi apresentado, inclinou-se suavemente em deferência e respondeu à saudação. Era uma boa idéia estarem acompanhados por um garou acostumado ao local, ainda mais se era theurge.




*Rodrigo*Alexey    *Mitzuki  


ação pensamento fala   /   narração diálogo

Esta é uma obra de ficção. A menos que você seja um lobisomem, qualquer semelhança com nomes, pessoas, fatos ou situações da vida real terá sido mera coincidência.
avatar
Lua
Admin
Admin

Mensagens : 1775
Data de inscrição : 28/07/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Alexyus em Qua 20 Jan 2016 - 14:33

A noite foi cheia de sobressaltos, com Alaín acordando de momento em momento.

Pela manhã, ele reparou na mudança de disposição dos uktenas. Tentou portar-se do mesmo modo como antes, aceitando o desjejum antes de falar diretamente com o ancião.

Diante de Folhas-do-Futuro, ele ouviu atentamente, imaginando todos os cursos de ação que ele mesmo tentaria e tendo certeza de que eles já haviam tentado. Não via outra alternativa senão a de investigar pessoalmente, já que não imaginava o que poderia causar algo assim.

Ele olhou para Abismo-da-Wyrm com olhos analíticos e fez um aceno para o ancião:

- Agradecemos a providência, Folhas-rhya. Abismo-da-Wyrm, será bom trabalhar ao seu lado. Podemos partir imediatamente? Acredito que durante o dia seja melhor para darmos nossa primeira busca.
avatar
Alexyus
Presas de Prata
Presas de Prata

Mensagens : 1783
Data de inscrição : 14/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Espirito-Inquieto em Qua 20 Jan 2016 - 16:27

Abismo-da-Wyrm fazia apenas um curto aceno para todos e respondia  Nadira com ódio naquela voz roca e grossa:
- Não só eles, como os irmãos deles.
A voz dele causava um certo incomodo, dava uma sensação ruim.
Quando Alaín falava Abismo-da-Wyrm completava:
- Certamente, irei lhes guiar até o local, levaremos em torno de uma hora.
Folhas-do-Futuro abençoava a partida de vocês, e então vocês seguiam o seu destino floresta a dentro. Com pouco tempo observando aquele Uktena, ficava claro que ele não estava naquela festa do outro dia.
Depois de algum tempo andando ele começava a falar.
- Perdemos 4, mas a contagem de desaparecidos é errônea, os espíritos revelaram que existem NOVE Garous desaparecidos... Cinco devem ser de alguma matilha nas proximidades, mas isso não foi confirmado pelas matilhas, acho que temem parecer ser fracas e perder os seus territórios.


Espirito-Curioso (Ficha)

- Fala -
"Pensamentos"
Narrações

Código:
[color=#0099ff]- Fala -[/color]
[color=#009900]"Pensamentos"[/color]
[i][color=#999900]Narrações[/color][/i]
avatar
Espirito-Inquieto

Mensagens : 262
Data de inscrição : 18/12/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Alexyus em Qua 20 Jan 2016 - 16:53

Alaín deixou que Abismo tomasse a frente, mostrando o caminho, já que era o único que conhecia bem a região. Ele andava logo atrás dele, observando cuidadosamente a trilha e os arredores.

Quando o theurge revelou algo que os espíritos tinham lhe dito, Alaín aproveitou para perguntar mais:

- Os espíritos dissseram algo mais sobre os desaparecidos? Ou o que causou seu desaparecimento?
avatar
Alexyus
Presas de Prata
Presas de Prata

Mensagens : 1783
Data de inscrição : 14/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Lua em Qua 20 Jan 2016 - 17:06

- Cinco devem ser de alguma matilha nas proximidades, mas isso não foi confirmado pelas matilhas, acho que temem parecer ser fracas e perder os seus territórios.

Mitzuki lançou um olhar para Alain, estreitando ainda mais os olhinhos puxados. Não quis adiantar-se a ele, porém, esperou que o presa de prata falasse.

- Os espíritos dissseram algo mais sobre os desaparecidos? Ou o que causou seu desaparecimento?

Ficou aguardando a resposta do theurge com atenção.


*Rodrigo*Alexey    *Mitzuki  


ação pensamento fala   /   narração diálogo

Esta é uma obra de ficção. A menos que você seja um lobisomem, qualquer semelhança com nomes, pessoas, fatos ou situações da vida real terá sido mera coincidência.
avatar
Lua
Admin
Admin

Mensagens : 1775
Data de inscrição : 28/07/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Cetza em Qua 20 Jan 2016 - 19:22

Folhas-do-Futuro abençoava a partida de vocês, e então vocês seguiam o seu destino floresta a dentro. Com pouco tempo observando aquele Uktena, ficava claro que ele não estava naquela festa do outro dia.
Depois de algum tempo andando ele começava a falar.
- Perdemos 4, mas a contagem de desaparecidos é errônea, os espíritos revelaram que existem NOVE Garous desaparecidos... Cinco devem ser de alguma matilha nas proximidades, mas isso não foi confirmado pelas matilhas, acho que temem parecer ser fracas e perder os seus territórios.

-- Nove garou... isso realmente é alarmante, Abismo-da-Wyrm os espíritos forneceu alguma informação... algo que talvez não tenham percebido? Rugido de Maat seguia o grupo em sua forma felina, diferente do que pensara ante, aquilo não era uma investigação comum então não via problemas em manter-se nessa forma já que praticamente estava no coração do território dos garou.

-- Fiquem atentos, seja o que for... ceifou nove lobos... Rugido de Maat não estava nem um pouco confortável naquela missão, Triunfo de Gaia não tomou a liderança como era esperado de um garou com o posto mais elevado e agora estavam sendo guiados por um theurge... A jovem bastet ainda se matéria sobre as ordens dos garou para não afronta-los já que ainda sua vida não estava em risco... ainda. " Vou dar mais uma chance para o Presa de Prata...mas umas coisa é certa... temos que abordar esse problema de um jeito diferente..."
-- Trinfo de Gaia, precisamos de algum plano de ação.. senão iremos cair igual aos nove garou seja o que temos que tentar algo diferente... do que eles tentaram... Rugido de Maat se aproximava de Triunfo de Gaia e perguntava ao 'líder natural' algum plano, não que ela tivesse algum em mente mas esperava que ele tenha pensado em algo durante a noite


----------------------------------------
Ação/Narrativa
Pensamento/Off
Falas

Ingrid Nadira Kaif  Shaira Menefer Hellen B Earp
avatar
Cetza

Mensagens : 695
Data de inscrição : 07/09/2015
Idade : 32

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Espirito-Inquieto em Qua 20 Jan 2016 - 20:27

Abismo-da-Wyrm continuava caminhando em direção ao Oeste.
- Pouco que sabe sobre o desaparecimentos deles... Apenas guardo comigo as ultimas palavras de um dos espíritos.
Ele fazia um pequeno momento de pausa em suas palavras e continuava.
- Um espirito um pouco antes de morrer falou que o sopro entre as arvores anunciou a morte deles um dia antes dela ocorrer, porém infelizmente o espirito não tinha mais folego para nos explicar melhor do que falava. Talvez seja apenas um trecho de um enigma, difícil saber.
Ele continuava em frente, seguindo pela floresta.


Espirito-Curioso (Ficha)

- Fala -
"Pensamentos"
Narrações

Código:
[color=#0099ff]- Fala -[/color]
[color=#009900]"Pensamentos"[/color]
[i][color=#999900]Narrações[/color][/i]
avatar
Espirito-Inquieto

Mensagens : 262
Data de inscrição : 18/12/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Cetza em Qui 21 Jan 2016 - 15:01

Ele fazia um pequeno momento de pausa em suas palavras e continuava.
- Um espirito um pouco antes de morrer falou que o sopro entre as arvores anunciou a morte deles um dia antes dela ocorrer, porém infelizmente o espirito não tinha mais folego para nos explicar melhor do que falava. Talvez seja apenas um trecho de um enigma, difícil saber.
Ele continuava em frente, seguindo pela floresta.

Rugido de Maat ouvias as palavras do Theurge atentamente, espíritos eram caprichosos e misteriosos e caso aquilo fosse um enigma seria difícil decifrar sem muitas informações. A jovem bastet olhava para Triunfo de Gaia, imaginando se o mesmo teria alguma ideia sobre as palavras do espírito. Sentindo que todos ali pensavam que se tivesse um enigma era só perguntar para a bastet ali... como se ela tirasse respostas de alguma cartola... -- Abismo-da-Wyrm, se for um enigma precisamos de mais informações... Talvez possa alguma informação dos espíritos do ar que não chegou a tempo de avisa-los do perigo... ou mesmo alguma arma dos humanos que age como uma doença...Como disse... pode ser muitas coisas ou nenhuma. Seja o que for...quando chegarmos ao nosso destino, poderemos colher informações in loco.



----------------------------------------
Ação/Narrativa
Pensamento/Off
Falas

Ingrid Nadira Kaif  Shaira Menefer Hellen B Earp
avatar
Cetza

Mensagens : 695
Data de inscrição : 07/09/2015
Idade : 32

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Alexyus em Qui 21 Jan 2016 - 16:46

Triunfo-de-Gaia ouviu as palavras enigmáticas de Abismo-da-Wyrm.

"Um espírito do ar morrer? Isso é possível? Ele deve ter se desintegrado para se reformar em outro lugar da Umbra, nunca ouvi falar de espíritos morrendo... O que será que isso quer dizer?"

Ele caminhava atentamente, forçando-se a prestar atenção ao caminho, sem encarar seus companheiros, mas atentos aos movimentos de cada um.

"Não adianta interrogá-lo. Se soubesse algo de útil, já teria falado com o restante da seita. A melhor coisa a fazer é investigar o local do crime e tentar achar alguma pista."
avatar
Alexyus
Presas de Prata
Presas de Prata

Mensagens : 1783
Data de inscrição : 14/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Lua em Qui 21 Jan 2016 - 18:58

Mitzuki teve vontade de atirar uma pedrinha no mato para ver se Nadira desaparecia atrás dela quando a bastet pediu ao líder um plano antes de terem a mínima idéia do que estava ocorrendo.

Felizmente o presa de prata não se incomodou e Nadira passou a focar a missão. Aprendeu rápido. Talvez não fosse tão insensata assim.

Quando todos terminaram, animou-se a falar:

- Bem, parece que no caso dos cinco, ao menos, não é um desaparecimento, pelo que o senhor disse, os espíritos confirmaram que estão mortos. Aliás, algumas vezes vocês dizem desaparecidos, outras afirmam mortos. Há algo que não nos estão contando?

O senhor disse que Fúria da Wyrm estava buscando por uma ameaça, "fosse um macaco, a aranha ou pior, algum servo da Wyrm". Nossos principais inimigos, claro. Mas, desses três, qual costuma ser a ameaça mais frequente por aqui? Talvez servos da Wyrm, pelos nomes de vocês: Fúria-da-Wyrm, Abismo-da-Wyrm. Estou certa ou é só coincidência?

Fúria-da-Wyrm desapareceu de dia. Isso poderia sugerir algum inimigo da seita em particular? Ou nada a ver?

Outra pergunta: há outras seitas na região? De que tribos? Vocês têm alguma rivalidade?


Mitzuki sabia que aquilo era um interrogatório e que soaria mal. Mas alguém teria que fazê-lo e ela não tinha medo de assumir o papel de antipática com o anfitrião. Era o trabalho dos ragabash, cutucar sem se preocupar com a opinião dos demais.

Mas mesmo assim, evitou ir tão fundo quanto desejava. Ela sabia que um philodox talvez tivesse algum dom ou mesmo apenas a experiência para discernir se o theurge dizia tudo ou alguém naquela seita sabia mais do que estava falando. Mas não pediu abertamente que o fizesse. Isso seria jogar terra sobre o líder. Ao invés disso, lançou-lhe um olhar profundo, na esperança de que ele fosse perceptivo, empático ou simplesmente esperto de captar o que ela pretendia. Sempre um risco, mas era sua obrigação saber aonde aquilo ia dar.


*Rodrigo*Alexey    *Mitzuki  


ação pensamento fala   /   narração diálogo

Esta é uma obra de ficção. A menos que você seja um lobisomem, qualquer semelhança com nomes, pessoas, fatos ou situações da vida real terá sido mera coincidência.
avatar
Lua
Admin
Admin

Mensagens : 1775
Data de inscrição : 28/07/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Espirito-Inquieto em Qui 21 Jan 2016 - 19:24

Abismo-da-Wyrm continuava caminhando em direção ao Oeste enquanto respondia a Nadira:
- Infelizmente as informações são escassas por isso essa questão não foi resolvida. Quanto ao espirito do ar não creio que seja um realmente, o fato foi marcado pelo barulho do vento entre as arvores, algum tipo de som emitido, não sabemos se foi um alerta exatamente ou outra coisa. O espirito que tentou nos contar foi um espirito do pássaro e não o vento.
Quando Mitzuki falava, ele franzia a testa e respondia:
- Espíritos podem se enganar, por isso não temos certeza de estarem mortos, não há o que esconder quanto a isso.
-  Nosso maiores inimigos são os Malditos, temos poucos problemas com os macacos, já as aranhas não costumam entrar em nosso território
- Temos relações neutras com outras matilhas das proximidades, nunca tivemos grandes problemas com elas.

Abismo-da-Wyrm parava por alguns segundos olhando para os lados e falava:
- Estamos quase chegando.
Ele ficava parado olhando para vocês, com aquele olhar que mais parecia um abismo.


Espirito-Curioso (Ficha)

- Fala -
"Pensamentos"
Narrações

Código:
[color=#0099ff]- Fala -[/color]
[color=#009900]"Pensamentos"[/color]
[i][color=#999900]Narrações[/color][/i]
avatar
Espirito-Inquieto

Mensagens : 262
Data de inscrição : 18/12/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Cetza em Sex 22 Jan 2016 - 10:09

Nadira ficava atenta à conversa entre a oriental e Abismo-da-Wyrm e de certa forma gostava das perguntas de Mitzuki, com certeza ela fazia jus aos ragabash, porém as respostas de Abismo-da-Wyrm não foram nada animadoras: poucas informações e ainda por cima um maldito que dera cabo de nove garou... com certeza as coisas não estavam ao favor do grupo. -- Malditos...normalmente vocês lobos gostam de medir forças com eles, por isso não é comum vê-los... mas do jeito que você diz parece que eles são um problema comum por essas terras... Rugido de Maat ficava olhando para Abismo-da-Wyrm esperando algumas respostas ou quem sabe informações sobre os Uktenas. Quando o guia os alertou de estarem chegando Nadira levantava suas orelhas mantendo-se atenta a tudo que estava em sua volta.


----------------------------------------
Ação/Narrativa
Pensamento/Off
Falas

Ingrid Nadira Kaif  Shaira Menefer Hellen B Earp
avatar
Cetza

Mensagens : 695
Data de inscrição : 07/09/2015
Idade : 32

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Lua em Sex 22 Jan 2016 - 10:56

Mitzuki ficou mais ou menos satisfeita com as respostas. Havia conseguido algumas informações mas o relato do uktena parecia mudar ao sabor do vento, literalmente.

Não confio nele. Mas alguém confia nos uktena?

- - Estamos quase chegando.
Ele ficava parado olhando para vocês, com aquele olhar que mais parecia um abismo.

Bem, vamos ver que pistas o lugar revela.

Que olhar estranho tem esse garou… Dá vontade de enfiar duas kunais só para ver o que acontece.


*Rodrigo*Alexey    *Mitzuki  


ação pensamento fala   /   narração diálogo

Esta é uma obra de ficção. A menos que você seja um lobisomem, qualquer semelhança com nomes, pessoas, fatos ou situações da vida real terá sido mera coincidência.
avatar
Lua
Admin
Admin

Mensagens : 1775
Data de inscrição : 28/07/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Alexyus em Sex 22 Jan 2016 - 19:47

Alaín via que as duas companheiras, Nadira e Mitzuki, estavam ávidas por fazer perguntas a Abismo-da-Wyrm.

"Tanto melhor assim. Elas me poupam o trabalho de interrogar e também não preciso comprometer minhas boas relações com os uktenas. Vamos ver como ele responde a isso."

Ele ouviu as palavras do theurge com o dom da Verdade de Gaia acionado, mas reconheceu que ele fôra evasivo o suficiente em suas colocações para não poder ser confrontado com uma grande contradição.

Alaín percebia o olhar do uktena sem precisar encará-lo diretamente. Sabia que os uktenas eram inquietantes, mas nunca comprovara isso em primeira mão, até aquele momento.

Abismo-da-Wyrm parava por alguns segundos olhando para os lados e falava:
- Estamos quase chegando.

Triunfo entendeu aquilo como uma deixa para eles agirem.

- Vamos andar mais devagar agora, o mais furtivamente que puderem. Redobrem sua atenção. Você vem conosco, Abismo?


Alaín esperava do theurge uma indicação clara do local, mas não sabia se ele iria até o fim da investigação ou se os deixaria ali para voltar para a matilha.
avatar
Alexyus
Presas de Prata
Presas de Prata

Mensagens : 1783
Data de inscrição : 14/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Espirito-Inquieto em Sab 23 Jan 2016 - 8:24

Abismo-da-Wyrm falava para Nadira:
- Somos Uktenas, parte de nosso dever e enfrentar eles já que os compreendemos melhor que a maioria dos Garous. Fazemos caçadas na Umbra atrás deles e as vezes eles tentam "revidar".
Abismo-da-Wyrm olhava nos olhos do Presa de Prata com raiva, que tentava controlar aos poucos a medida que falava:
- Me perguntei quando iria perder a postura que comentaram sobre a festa, acha sábio usar seus dons contra os seus anfitriões? Em qualquer outra situação isso não seria tolerado, mas vou relevar desta vez por aparentemente não conhecerem o meu povo. Tenho total interesse que vocês encontrem o meu irmão ou o que levou ele, mas verdades ou mentiras não podem influenciar a percepção de vocês, ou acabarão sendo induzidos a suspeitarem das mesmas coisas que suspeitamos e não chegamos a lugar nenhum, então não seja mais rude que lupinos que lhe alimentaram, e parem de jogar esses olhares de duvidas, pois não sou o inimigo aqui, o inimigo esta lá fora pegando nossos irmãos, sejam eles de nossa tribo ou não. Vim para os guiar a respeito de espíritos já que nenhum Theurge se voluntariou e não para levar vocês a mesma conclusão que os outros Garous que investigaram o local. A cada pergunta que lhes respondo estão cada vez mais próximos de não achar as respostas.
O dom de Alaín não encontrava mentiras nas palavras do Uktena, encontrando certezas e algumas duvidas.
- Irei com vocês até onde vermos se precisam de um Theurge, caso meus conhecimentos não sejam necessários eu irei retornar a matilha.
Ele seguida com passos leves em direção a Oeste. As primeiras arvores de folhas vermelhas eram reveladas mais a frente, elas eram tão bonitas, era difícil ver aquele local como um lugar de morte ou desaparecimentos. Lá havia por ali também um pequeno acumulado de água próximo a uma das arvores, devia ter uns 3 metros de raio, provavelmente de alguma chuva desses dias. O Uktena parava um pouco depois de entrar nesse local de arvores vermelhas.
- Foi por aqui que desapareceram.


Espirito-Curioso (Ficha)

- Fala -
"Pensamentos"
Narrações

Código:
[color=#0099ff]- Fala -[/color]
[color=#009900]"Pensamentos"[/color]
[i][color=#999900]Narrações[/color][/i]
avatar
Espirito-Inquieto

Mensagens : 262
Data de inscrição : 18/12/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Alexyus em Sab 23 Jan 2016 - 10:25

Alaín sustentou o olhar do theurge.

- Muito perceptivo, Abismo-da-Wyrm, mas seria ingenuidade não averiguar essa possibilidade. Vergonha seria permitir-se ser enganado por um artifício tão simples. Claro que imaginei que Folhas-do-Futuro e os outros garous mais velhos já tivessem testado essa hipótese, mas foi bom me certificar por mim mesmo. Ademais, os que não devem não tem nada a temer.

- Irei com vocês até onde vermos se precisam de um Theurge, caso meus conhecimentos não sejam necessários eu irei retornar a matilha.

A resposta realmente irritou o presa de prata, por sua absoluta imprecisão.

"O jeito é não contar com ele, já que não sabemos em que ponto ele nos abandonará."

- Foi por aqui que desapareceram.

Alaín aproximou-e cautelosamente, analisando o local.

"Árvores vermelhas? Tão ao norte? Que curioso!"

Usando o dom do Lógica do Macaco Esperto, Alaín procurou qualquer tipo de pista que pudesse indicar o ponto exato do desaparecimento dos garous e suas razões.
avatar
Alexyus
Presas de Prata
Presas de Prata

Mensagens : 1783
Data de inscrição : 14/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Cetza em Sab 23 Jan 2016 - 14:09

Abismo-da-Wyrm falava para Nadira:- Somos Uktenas, parte de nosso dever e enfrentar eles já que os compreendemos melhor que a maioria dos Garous. Fazemos caçadas na Umbra atrás deles e as vezes eles tentam "revidar".

Nadira acompanhava, andando ao lado de Abismo-da-Wyrm, quando ele falava algo interessante sobre os Uktenas, se sua forma felina pudesse transparecer veriam um certo sorriso em seu rosto porém o máximo que os garou percebiam era o agitar enigmático de sua calda que em muitas vezes parecia ter vida própria. Ela olhava para Abismo-da-Wyrm, disposta a fazer inúmeras perguntas porém ao notar o quanto ele ficara transtornado com o Presa de Prata, a bastet ficava mais feliz ainda. Iria prestar mais atenção ao 'alfa' já que ele não fazia questão de guardar os seus segredos... que mal havia em aprende-los então..  a bastet sorria consigo mesma. -- É bom ouvir isso, parecem que sua raça lida melhor com eles... mas como você mesmo disse.. se conhecem tanto eles... como esse maldito, se é que seja um, o que o difere dos demais malditos que o seu povo conhece tão bem.. Com certeza ele agiu de forma diferente para surpreender nove lobos... Nadira ficava ouvindo tensão entre o alfa e o theurge aumentar, a felina apenas ficava olhando já que isso era ‘coisa de lobo’, ela jamais entenderia essa necessidade de liderança, já que entre os bastet o que imperava era o respeito. As tensões aumentavam e o alfa teria que remediar a situação ou senão poderiam perder a ajuda do theurge. Como era de se esperar o Presa de Prata continuava usando seus dons abertamente. Nadira lançava um olhar para Abismo-da-Wyrm e lhe falava baixinho antes de seguir o Presa de Prata. - Não se enfureça…o que esperar de um Presa de Prata... Nadira caminhava próxima de Alaín, fingindo observar as coisas quando na verdade observava o ‘alfa’ trabalhando visando aprender alguma coisa sobre os dons dos garou. —E.. ai percebeu alguma coisa? Após observar o garou por um bom tempo, Nadira usaria também um dos seus dons, mas não de forma tão aberta quanto eles. Diferente dos lobos, felinos são ótimos escaladores, Nadira usando os seus reflexos subia em uma das árvores certificando-se de ter uma visão completa do lugar, ali ela se concentraria usando seu dom de sentir emanações da Wryn naquele lugar e nos arredores (Sentir a Mão da Destruição). ” Que bom que gatos sobem em árvores... diferente dos lobos...”


----------------------------------------
Ação/Narrativa
Pensamento/Off
Falas

Ingrid Nadira Kaif  Shaira Menefer Hellen B Earp
avatar
Cetza

Mensagens : 695
Data de inscrição : 07/09/2015
Idade : 32

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PRIMEIRO PRESSAGIO

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum