A Diligência de Chicago

Página 3 de 3 Anterior  1, 2, 3

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Nina Amora em Ter 6 Set 2016 - 11:55

Natalie escreveu:Nadine pos a mão no ombro de Hellen e ficou na frente pra falar com a recém chegada:

- Calma, vocês dois! Moça, vem aqui pra luz da fogueira! Hellen, sossega pra esse ouvido não abrir de novo!


Após mudar de forma Dakota exibi um meio sorriso...aparentando seus dezessete anos e a pouca noção do que é o mundo além da proteção familiar e tribal. Move-se devagar e com a graciosidade típica de uma boa criação. Percebendo que uma das mulheres está machucada...fala com um fio de voz delicado.

_Posso ajuda-lá...a boa mãe guia minhas mãos e ajuda-me a curar os meus!

Ela dá mais alguns passos em direção as mulheres e olhando para o homem com arma em punho diz...

_Eu não tenho qualquer razão para machucar vocês...sou uma humilde filha da lua crescente e tocada pelo grande Trovão...







*Ações*  (Amarelo)
- Falas (Vermelho)
"Pensamentos"(Rosa )
avatar
Nina Amora

Mensagens : 75
Data de inscrição : 01/03/2016
Idade : 32

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Cetza em Ter 6 Set 2016 - 14:28

--- O QUE ELA DISSE?! EU NÃO ESTOU OUVINDO DIREITO... FALE MAIS ALTO!

Hellen começava a falar bem mais alto sem entender direito o que a estranha queria, ela apenas ouvia leves sussurros ela impedia que o homem ameasse desnecessariamente a jovem.

--- MEU OUVIDO... ESTÁ MACHUCADO.... UMA AJUDINHA SERIA BOA!


----------------------------------------
Ação/Narrativa
Pensamento/Off
Falas

Ingrid Nadira Kaif  Shaira Menefer Hellen B Earp
avatar
Cetza

Mensagens : 694
Data de inscrição : 07/09/2015
Idade : 32

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Nina Amora em Ter 6 Set 2016 - 16:21

Cetza escreveu:--- O QUE ELA DISSE?! EU NÃO ESTOU OUVINDO DIREITO... FALE MAIS ALTO!

Hellen começava a falar bem mais alto sem entender direito o que a estranha queria, ela apenas ouvia leves sussurros ela impedia que o homem ameasse desnecessariamente a jovem.

--- MEU OUVIDO... ESTÁ MACHUCADO.... UMA AJUDINHA SERIA BOA!


Dakota é movida pelo instinto básico de cuidar dos seus...ela coloca a mão no ouvido ferido e reza suavemente ao espírito do Unicórnio. Sua voz é como um doce sussurro, que chama atenção de quem está próximo...

_ Grande unicórnio...ser de pureza, amor e bondade permita que está humilde serva dos espíritos da "Grande Mãe" possa curar está irmã em Gaia...

Toque da Mãe (Nível Um). O Garou é capaz de sarar os ferimentos dos outros, sejam agravados ou não, simplesmente colocando as mãos sobre a área afligida. O Garou não pode curar a si mesmo com este Dom. O Dom é ensinado por um espírito-unicórnio. Sistema: O Garou gasta um ponto de Gnose e testa Inteligência + Medicina (dificuldade igual à Fúria do indivíduo ferido, ou 6 para os não Garou). Cada sucesso cura um Nível de Vitalidade. Até mesmo as cicatrizes de batalha podem ser curadas desta forma, mas isto precisa ser feito na mesma cena que a cicatriz foi obtida e requer que se gaste um ponto de Gnose. Não há limite para o número de vezes que o Dom pode ser usado numa pessoa, mas cada uso requer um ponto de Gnose.:

VOZ ENCANTADORA - QUALIDADE DE 2 PONTOS:Existe algo em sua voz que os outros simplesmente não conseguem ignorar. Quando você dá ordens, eles se encolhem. Quando seduz, eles se desmancham. Seja trovejante, gentil, persuasiva ou simplesmente ao conversar, sua voz chama a atenção. As dificuldades de todos os testes que envolvam o uso da voz para persuadir, enfeitiçar ou comandar são diminuídas em dois pontos.:

VÊNUS ASCENDENTE (VENUS RISING) QUALIDADE DE 4 PONTOS: Você possui um carisma inconfundível que o faz ser um líder natural, inspirando outros a seguirem-no por amor e admiração, ao invés de por medo e intimidação. Amantes aparecem em sua vida com regularidade e amigos sempre o procuram. Os Filhos de Gaia valorizam esse aspecto, o vendo como um meio de tentar trazer seu sonho de harmonia universal e coexistência pacífica. Rolagens de Carisma ganham um dado extra.:


*Ações*  (Amarelo)
- Falas (Vermelho)
"Pensamentos"(Rosa )[/color]
avatar
Nina Amora

Mensagens : 75
Data de inscrição : 01/03/2016
Idade : 32

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Natalie em Qua 7 Set 2016 - 15:07

Nadine ficou olhando a recém-chegada e sorriu quando ela falou da Lua Crescente.

''Uma theurge, não? Vestida como uma dama refinada, deve ser uma dondoca da Costa Leste. Mas ainda está muito verde, precisa aprender um monte de coisas ainda...''

Nadine ficou perto de Jhon para impedir o fianna esquentado de fazer besteira enquanto ela falava com a theurge:

- É bom ver que você sabe curar, mocinha, mas não é assim que se apresenta a outros garous! Primeiro você diz seu nome, depois seu augúrio, a tribo, e inclui sua linhagem se ela valer a pena ser mencionada. Uma senhora das sombras tem a obrigação de saber isso, ou não vai demonstrar o respeito adequado aos outros. Que tal a gente começar de novo assim que você terminar com a orelha dela?


*Ações*
- Falas
"Pensamentos"
avatar
Natalie
Filhos de Gaia
Filhos de Gaia

Mensagens : 790
Data de inscrição : 15/04/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Alexyus em Qua 7 Set 2016 - 16:38

DAKOTA ROLA CARISMA 3 + VENUS ASCENDENTE 1 COM -1 NA DIF POR VOZ ENCANTADORA:
Dakota rolou 4 dados de 10 lados com dificuldade 5 para Manobra Especial e obteve: 8 3 6 3
Dakota obteve 2 sucessos!
NADINE ROLA PERCEPÇÃO 3 + EMPATIA 1 COM -2 POR ENXERIDO NATO:
Nadine rolou 4 dados de 10 lados com dificuldade 4 para Manobra Especial e obteve: 6 2 8 8
Nadine obteve 3 sucessos!

Dakota se aproximou com palavras calmantes e apaziguadoras, e Jhon foi baixando o revólver, até fazê-lo rodar nos dedos antes de guardá-lo de volta no coldre com um movimento rápido e habilidoso. Mas Nadine percebeu nas palavras de Dakota que a recém-chegada não tinha contado toda a verdade e ocultava suas reais motivações.

A Guardiã dos Presságios foi até Hellen para examinar o ferimento. A ragabash já tinha limpado a orelha da fazendeira, então Dakota pôde ter uma boa visão do furo no ouvido de Hellen. Invocando respeitosamente os poderes ensinados pelos grandes espíritos

DAKOTA ROLA INTELIGÊNCIA 3 + MEDICINA 1 PARA TOQUE DA MÃE:
Dakota gasta 1 / 2 de Gnose para ativar o dom Toque da Mãe

dakota rolou 4 dados de 10 lados com dificuldade 6 para Ativar Dom e obteve: 6 7 2 3
dakota obteve 2 sucessos!

Com um brilho suave e azulado nas mãos, Dakota tocou o interior da orelha de Hellen, e a rancheira sentiu a carne se fechando com o contato da mão da outra. A cura durou apenas alguns segundos, mas para Hellen foi como se um tampão tivesse sido tirado de seus ouvidos enquanto a audição era restaurada.

Jhon quebrou o silêncio com um comentário bem-humorado:

- Ainda bem que perdemos o padre mas ganhamos outra theurge, só que essa é mais bonita! Por mim, a troca continua! Agora, vamos tentar descobrir o que houve com a diligência? Não achei nenhum rastro recente de rodas naquela direção, e ela não voltou por onde viemos... Não tô entendendo nada...
avatar
Alexyus
Presas de Prata
Presas de Prata

Mensagens : 1778
Data de inscrição : 14/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Nina Amora em Qua 7 Set 2016 - 20:37

Natalie escreveu:Nadine ficou olhando a recém-chegada e sorriu quando ela falou da Lua Crescente.

''Uma theurge, não? Vestida como uma dama refinada, deve ser uma dondoca da Costa Leste. Mas ainda está muito verde, precisa aprender um monte de coisas ainda...''

Nadine ficou perto de Jhon para impedir o fianna esquentado de fazer besteira enquanto ela falava com a theurge:

- É bom ver que você sabe curar, mocinha, mas não é assim que se apresenta a outros garous! Primeiro você diz seu nome, depois seu augúrio, a tribo, e inclui sua linhagem se ela valer a pena ser mencionada. Uma senhora das sombras tem a obrigação de saber isso, ou não vai demonstrar o respeito adequado aos outros. Que tal a gente começar de novo assim que você terminar com a orelha dela?

"Após perceber que o bom espírito do Unicórnio lhe atendeu, ela agradeceu em seu íntimo pela ajuda...nunca tinha visto alguém morrer diante dela ou sabia descrever como era sentir medo da morte... o cheiro do sangue da outra mulher lhe fazia pensar o quanto  sua espécie dançava com a morte  e como a fúria os fazia sentir coisas que os humanos nunca entenderia ou até resumiram como " uma coisa bestial e terrível". Olhando para mulher que curou sentiu um misto de simpatia e curiosidade em relação aos garous ali. Quando a outra mulher chama-lhe atenção sobre a falha ao apresentar-se Dakota afasta-se da que acabou de curar e respondendo com todo o respeito possível...afinal ela sabe muito pouco sobre eles e melhor evitar que desconfiem de algo."

-Me chamo Dakota Guardiã dos presságios, Hominídea, filha da  lua crescente, Senhora Das Sombras uma Cliath... minha linagem teve seus guerreiros valorosos que há muito se foram, agora carrego em minhas costas, espírito e coração o dever de reavivar entre os meus os nomes de meus ancestrais...

"Quando ela houve o homem falar daquela maneira ruboriza de imediato,não estava habituada a comentários tão diretos. Ela demonstra um certo desconforto quando  disfarça a sensação desamassando o vestido antes tão limpo e agora empoeirado. Os cabelos negros ondulavam em desalinho rebelde e os lábios  rosados bem desenhados estavam secos...sentia sede e uma ansiedade silenciosa que ia crescendo. Quando escuta sobre a diligência ela disfarça o interesse e abre um sorriso esperando que eles se apresentem."

*Ações*  (Amarelo)
- Falas (Vermelho)
"Pensamentos"(Rosa )
avatar
Nina Amora

Mensagens : 75
Data de inscrição : 01/03/2016
Idade : 32

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Cetza em Qui 8 Set 2016 - 10:56

A Guardiã dos Presságios foi até Hellen para examinar o ferimento. A ragabash já tinha limpado a orelha da fazendeira, então Dakota pôde ter uma boa visão do furo no ouvido de Hellen. Invocando respeitosamente os poderes ensinados pelos grandes espíritos.
Com um brilho suave e azulado nas mãos, Dakota tocou o interior da orelha de Hellen, e a rancheira sentiu a carne se fechando com o contato da mão da outra. A cura durou apenas alguns segundos, mas para Hellen foi como se um tampão tivesse sido tirado de seus ouvidos enquanto a audição era restaurada.

Hellen se impressionava ao sentir seu corte desaparecer, ela sentia como se um tampão desaparecesse de seu ouvido como num passe de mágica. A mulher olhava para a estranha com um enorme sorriso no rosto, ela segurava a mão e a balançava ávidamente como forma de agradecimento. Em sua mente ela imaginava o poder da jovem em cuidar de ferimento, semelhante ao dela mas BEM mais eficaz.

-- Muito obrigada, Dakota não é... Pode me chamar de Hellen Earp, filha de Uivo Solitário com um xerife...e... estou de olho em você Jhon, eu conheço bem esses fianna... nada de gracinhas.
( Wyatt Earp, pai dela, já era uma lenda viva do oeste após sobreviver ao tiroteio em O.K. Corral)
Hellen espetava o Fianna, não se rebaixaria por estar ao lado de garous, mesmo sendo muito mais fraca que eles. Mas mesmo sem querer concordar com o Fianna, ele estava certo a diligência havia desaparecido e não havia um único sinal dela. Hellen olhava o céu e depois o solo em que estavam, talvez imaginando que algo pior tivesse ocorrido, ela com um pouco de dificuldade para se abaixar tocava o solo sentindo sua consistência.

-- Então está dizendo que ela simplesmente não foi para lugar algum? Se ela não foi para algum lugar... acha que... algo a levou... talvez os amigos daquela coisa que estava caçando aqueles lobos?...Não seria incomum... desviar a atenção para capturar um outro alvo...

Hellen hesitava um pouco com suas palavras, pois considera-las seria o mesmo que admitir que estavam em terreno inimigo, ela levava a mão para que Jhon a ajudasse a levantar.

-- Hei lobos, acham que a diligência entrou na Umbra? Isso seria melhor do que imaginar inimigos monstruosos e ocultos... não acham?


----------------------------------------
Ação/Narrativa
Pensamento/Off
Falas

Ingrid Nadira Kaif  Shaira Menefer Hellen B Earp
avatar
Cetza

Mensagens : 694
Data de inscrição : 07/09/2015
Idade : 32

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Natalie em Qua 21 Set 2016 - 2:11

Nadine viu que a outra se apresentou e Hellen já foi logo estendendo o tapete de boas vindas. Com charme, mas sem querer ser muito simpática, ela também se apresentou:

- Meu nome é Nadine Delamare, Coração Oculto, ragabash cliath dos senhores das sombras.

-- Então está dizendo que ela simplesmente não foi para lugar algum? Se ela não foi para algum lugar... acha que... algo a levou... talvez os amigos daquela coisa que estava caçando aqueles lobos?...Não seria incomum... desviar a atenção para capturar um outro alvo...

Hellen hesitava um pouco com suas palavras, pois considera-las seria o mesmo que admitir que estavam em terreno inimigo, ela levava a mão para que Jhon a ajudasse a levantar.

-- Hei lobos, acham que a diligência entrou na Umbra? Isso seria melhor do que imaginar inimigos monstruosos e ocultos... não acham?

- Bico fechado, Hellen! Esqueceu que a nossa missão era pra ser secreta? E você, dakota, vai se explicando, como achou a gente aqui e como ficou sabendo da diligência? Qual é o seu negócio?


*Ações*
- Falas
"Pensamentos"
avatar
Natalie
Filhos de Gaia
Filhos de Gaia

Mensagens : 790
Data de inscrição : 15/04/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Alexyus em Sex 23 Set 2016 - 19:15

Enquanto as meninas discutiam e Jhon apenas guardava seu revólver, apreciando aquela briga de mulheres, dois símbolos translúcidos projetados pela luz da lua brilharam na areia diante deles.



"Filhos de Gaia"



"Monstros"

Os raios lunares duraram por apenas alguns momentos e então se desvaneceram.
avatar
Alexyus
Presas de Prata
Presas de Prata

Mensagens : 1778
Data de inscrição : 14/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Cetza em Sex 23 Set 2016 - 20:39

“- Bico fechado, Hellen! Esqueceu que a nossa missão era pra ser secreta? E você, dakota, vai se explicando, como achou a gente aqui e como ficou sabendo da diligência? Qual é o seu negócio?”
* Hellen levantava umas das sobrancelhas e a olhava bem diretamente, não se sentia menor que seus irmãos peludos e não abaixaria a cabeça para nenhum deles*
-- Nossa missão secreta acabou de desaparecer... Precisamos de rastros... ou qualquer coisa do tipo...
---------------------
Chat bugado...
“ Citação”
‘Pensamento’
*ação*
-- Fala


----------------------------------------
Ação/Narrativa
Pensamento/Off
Falas

Ingrid Nadira Kaif  Shaira Menefer Hellen B Earp
avatar
Cetza

Mensagens : 694
Data de inscrição : 07/09/2015
Idade : 32

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Nina Amora em Seg 26 Set 2016 - 15:54

Alexyus escreveu:Enquanto as meninas discutiam e Jhon apenas guardava seu revólver, apreciando aquela briga de mulheres, dois símbolos translúcidos projetados pela luz da lua brilharam na areia diante deles.



"Filhos de Gaia"



"Monstros"

Os raios lunares duraram por apenas alguns momentos e então se desvaneceram.

*Dakota olha para sua inquisidora...porém antes de responder ...observa os símbolos e aponta em direção a eles para que a outra os note...*

*Ações*  (Amarelo)
- Falas (Vermelho)
"Pensamentos"(Rosa )
avatar
Nina Amora

Mensagens : 75
Data de inscrição : 01/03/2016
Idade : 32

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Natalie em Seg 26 Set 2016 - 17:12

Nadine falou com um olhar fuzilante pra Dakota:

- Isso ainda não acabou!

Depois fou olhar de perto os glifos antes que sumissem:

-''Filhos de Gaia'' e ''monstro''. Não sei o que isso quer dizer... Tem filhos de Gaia por aqui também? E esse monstro é aquele que a gente matou ou tem mais por aí? Quantos mistérios... Mas se os glifos foram feitos com os raios de luar, então isso deve ter coisa na Umbra. Por que você, Stone, não vai dar uma olhada, já que é uma theurge?


*Ações*
- Falas
"Pensamentos"
avatar
Natalie
Filhos de Gaia
Filhos de Gaia

Mensagens : 790
Data de inscrição : 15/04/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Nina Amora em Seg 26 Set 2016 - 18:23

O tom de voz de Nadine é incisivo fazendo Dakota retribuir momentaneamente o olhar que lhe foi dispensado. Recordar-se de que apesar de pertencerem a mesma tribo suas visões de mundo as tornam opostos naquela situação….ela abre um sorriso inexpressivo pensando que provavelmente deve se preocupar com a Ragabash….até porque ao que parece ela não se deixou levar pelos seus encantos naturais...os outros ali podem acabar se deixando levar e facilitando as coisas...ela torce que tudo possa ser indolor...ela não teria grandes chances ali.
Ao ouvir Nadine falar sobre o mundo além do espelho, fica apreensiva Edgar lhe aconselhou a evitar a travessia”. Em hipótese nenhuma entre na Umbra, ela não é segura. “...isso ficou ecoando em sua cabeça e ficou mais apreensiva ao pensar nos símbolos...se estivessem em um número maior poderiam arriscar...mas qual preço pagariam por isso?!


-Não é tão simples senhorita...mesmo eu tenho meus receios sobre a Umbra...estamos em menor número e vim aqui apenas com intuito de ajudar uma irmã de tribo...embora pelo que noto você sabe perfeitamente como se virar...Aqui temos poucas opções e adentrar a Umbra por conta e risco não é a das melhores...se essa diligência foi para o mundo imaterial...tenha certeza que ela está em movimento e quem a levou deve ser forte o suficiente pra manter ela lá...


A voz de Dakota era suave, mas havia firmeza em suas palavras...sentia que precisava convencer a irmã de tribo de suas boas intenções...ou do contrário teria problemas...

Narrador o que posso fazer com essas coisinhas aqui:
Ocultismo: 2  
MAGNETO ESPIRITUAL (QUALIDADE DE 5 PONTOS):

*Ações*  (Amarelo)
- Falas (Vermelho)
"Pensamentos"(Rosa )
avatar
Nina Amora

Mensagens : 75
Data de inscrição : 01/03/2016
Idade : 32

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Cetza em Ter 27 Set 2016 - 15:28

-- Dakota, Nadine... Jhon... Não temos escolha, nossa diligência sumiu o que indica que ela foi levada para a Umbra e está em movimento e quanto as mensagens pode ser um pedido de socorro... não há motivos para ficarmos aqui... precisamos seguir pelo outro lado... e para isso precisamos de Dakota, ela é uma theuge... e sabe lidar com os fantasmas... E que Gaia nos ajude lá no outro lado

Hellen olhava para suas armas e imaginava como seria do outro lado já que nunca estivera ali, ela não gostava de ser um fardo mas a situação era crítica demais para bancar uma de durona, ela olhava para o Fiana esperando que ele a ajudasse no que tange a Umbra.
-- Nunca atravessei a Umbra antes.. talvez precise de uma ajudinha...


----------------------------------------
Ação/Narrativa
Pensamento/Off
Falas

Ingrid Nadira Kaif  Shaira Menefer Hellen B Earp
avatar
Cetza

Mensagens : 694
Data de inscrição : 07/09/2015
Idade : 32

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Alexyus em Qua 12 Out 2016 - 22:40

Com o impasse formado entre as mulheres, foi a voz de Jhon que pareceu trazer o bom senso de volta:

- Calminha aí, Hellen! Não gosto de dar razão pra theurge misteriosos, mas se a moça disse que é uma má ideia ir pra lá agora, acho que precisamos ouvi-la. Nunca levei um Parente para a Umbra, sei que é bem difícil é poucos garous conseguem isso. Além do mais, você estaria indefesa lá. Talvez a gente precise de reforços, chamar a cavalaria, sabe?

Enquanto falavam, os primeiros raios da aurora atingiram o céu de rosa e azul, anunciando a chegada do dia.

Hellen percebeu que Albacore ficou subitamente Inquieto, olhando para o horizonte.

Nadine sabia que Dakota estava escondendo algo, mas arrancar o segredo era mais difícil.

Dakota sentia que fenômenos espirituais desconhecidos estavam ocorrendo ali. Não era como os Poltergeist europeus, parecia algo mais primitivo, talvez explicável por alguma cultura indígena local. Mas não conseguiria investigar com precisão com aqueles três desconfiando dela.
avatar
Alexyus
Presas de Prata
Presas de Prata

Mensagens : 1778
Data de inscrição : 14/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Nina Amora em Qui 13 Out 2016 - 1:47

Alexyus escreveu:Com o impasse formado entre as mulheres, foi a voz de Jhon que pareceu trazer o bom senso de volta:

- Calminha aí, Hellen! Não gosto de dar razão pra theurge misteriosos, mas se a moça disse que é uma má ideia ir pra lá agora, acho que precisamos ouvi-la. Nunca levei um Parente para a Umbra, sei que é bem difícil é poucos garous conseguem isso. Além do mais, você estaria indefesa lá. Talvez a gente precise de reforços, chamar a cavalaria, sabe?

Enquanto falavam, os primeiros raios da aurora atingiram o céu de rosa e azul, anunciando a chegada do dia.

Hellen percebeu que Albacore ficou subitamente Inquieto, olhando para o horizonte.

Nadine sabia que Dakota estava escondendo algo, mas arrancar o segredo era mais difícil.

Dakota sentia que fenômenos espirituais desconhecidos estavam ocorrendo ali. Não era como os Poltergeist europeus, parecia algo mais primitivo, talvez explicável por alguma cultura indígena local. Mas não conseguiria investigar com precisão com aqueles três desconfiando dela.


"A voz de Jhon chegou até Dakora como um aviso da urgência em resolver aquilo que fora mandada fazer,mas também uma maneira de escorar-se nas palavras dele e manter-se longe da irmã de tribo...não sabia bem como tudo desenrolaria era a primeira vez que vivia algo assim. Olhou para a parente de maneira discreta e pensou como poderia usar a boa vontade da outra em seu favor quando o momento chegasse...por um instante tremeu inquieta...realmente a essência tribal lhe percorria as veias tanto quanto fazia parte de quem era ou estava apenas pensando assim porque era a única forma?!  Seu corpo parecia experimentar tantas sensações ali, o primitivo fundindo-se ao seu redor de uma maneira sútil aos olhos dos outros,mas ela podia jurar que as vibrações ali eram antigas e selvagens...ela não tinha como decifrar aquilo sem ajuda..."


-Jhon...você entendeu então...não é seguro o mundo além deste...além do mais estamos em menor número...uma parente não vai ser de grande ajuda dentro do mundo espiritual onde tantas coisas se escondem , são tantos reflexos decantes ou selvagens...facetas inexploradas que podem devorar sua alma em instantes ou fazer que encontre caminhos confusos...perdendo-se neles...eu não tenho experiência o suficiente para guiar vocês...não posso arriscar suas vidas desta maneira...

"Ela de fato era sincera em sua última fala...a vida deles era importante, por mais que escutasse que sua tribo usava os outros como instrumentos em prol de um bem maior...especialmente quando isso significava algo interessante ou valioso. Ela passa as mãos pelos longos cabelos empeirados, mordendo suavemente o lábios inferior e sentindo o dia chegar...saldando mentalmente aquele que emana luz, aquece os seres vivos e ajuda o grande ciclo..."


*Ações*  (Amarelo)
- Falas (Vermelho)
"Pensamentos"(Rosa )
avatar
Nina Amora

Mensagens : 75
Data de inscrição : 01/03/2016
Idade : 32

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Natalie em Qui 13 Out 2016 - 10:35

Nadine viu que não iam chegar a lugar nenhum daquele jeito.

- Vamos precisar de ajuda então! Qual a cidade mais próxima? Dakota, você veio de Chicago? Qual a distância pra lá?


*Ações*
- Falas
"Pensamentos"
avatar
Natalie
Filhos de Gaia
Filhos de Gaia

Mensagens : 790
Data de inscrição : 15/04/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Cetza em Qui 13 Out 2016 - 17:07

-Jhon...você entendeu então...não é seguro o mundo além deste...além do mais estamos em menor número...uma parente não vai ser de grande ajuda dentro do mundo espiritual onde tantas coisas se escondem , são tantos reflexos decantes ou selvagens...facetas inexploradas que podem devorar sua alma em instantes ou fazer que encontre caminhos confusos...perdendo-se neles...eu não tenho experiência o suficiente para guiar vocês...não posso arriscar suas vidas desta maneira...

Hellen cerrava os olhos ao ouvir aquilo, não gostava de ser um fardo para com os seus irmãos e ouvir aquilo de forma tão aberta e direta lhe incomodava... Mas Dakota era uma theurge e assim como ela era uma guia naquelas pradarias, a gorou era na Umbra e se ela disse que era perigoso... então ERA MESMO. Hellen notava seu fiel animal inquieto enquanto olhava para o horizonte.

-- Albacore? O que houve...Nadine, Jhon e Dakota... melhor caminharmos... o deserto à noite...não é como um piquenique...

Hellen se aproximava de seu cavalo e montava nele, ela lançava um olhar para os demais garou, mesmo sendo uma parenta era de sua natureza liderar... provavelmente daria trabalho a qualquer garou que se interessa por ela...

-- Temos que encontrar a diligência, mas sem ajuda será complicado....
------------------------------------
Posso rolar algum conhecimento para nos orientar?


----------------------------------------
Ação/Narrativa
Pensamento/Off
Falas

Ingrid Nadira Kaif  Shaira Menefer Hellen B Earp
avatar
Cetza

Mensagens : 694
Data de inscrição : 07/09/2015
Idade : 32

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Alexyus em Dom 20 Nov 2016 - 22:39

Enquanto Dakota e Nadine jogavam seu joguinho de gato e rato em busca de informações, Hellen foi examinar o terreno, primeiro com uma acha de lenha, até que o raiar do sol iluminou o mundo.

Logo após a aurora, as três e Jhon ouviram o grito de guerra de uma tribo indígena. Junto, um uivo de Garou também ecoava pelas pradarias.

Em pouco tempo, eles duvidaram uma série de cabeças emplumadas, cercando-os contra o riacho.

- Com os diabos, uma tribo de indígenas e garous nativos! - praguejou Jhon.

Das três, apenas Hellen tinha balas de prata, mas se os garous fossem poucos, eles podiam ter esperança de enfrentar o resto dos índios com balas normais e vencer.

Negociar com os índios era bem complicado e perigoso, já que nenhum deles era familiarizado com a cultura dos nativos.

Render -se e esperar misericórdia poderia funcionar bem, desde que Jhon ficasse de boca fechada e não estragasse tudo.

Fugir para o bosque além do riacho era arriscado mas possível, embora Hellen não pudesse cogitar uma travessia rápida com Albacore.
avatar
Alexyus
Presas de Prata
Presas de Prata

Mensagens : 1778
Data de inscrição : 14/09/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Cetza em Seg 21 Nov 2016 - 13:02

Logo após a aurora, as três e Jhon ouviram o grito de guerra de uma tribo indígena. Junto, um uivo de Garou também ecoava pelas pradarias.
Em pouco tempo, eles duvidaram uma série de cabeças emplumadas, cercando-os contra o riacho.
- Com os diabos, uma tribo de indígenas e garous nativos! - praguejou Jhon.

-- Mas o quê! Droga... nativos... e com garous!Hellen praguejava consigo mesma, não conseguia imaginar uma situação pior...Ela se aproximava de Jhon com as pistolas em mãos, ela preferia negociar com eles do mesmo jeito que fizera antes...

-- Jhon, não os ataque...eles são muitos... e ainda por cima há garous com eles... talvez eu...consiga negociar...eu acho...


----------------------------------------
Ação/Narrativa
Pensamento/Off
Falas

Ingrid Nadira Kaif  Shaira Menefer Hellen B Earp
avatar
Cetza

Mensagens : 694
Data de inscrição : 07/09/2015
Idade : 32

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Natalie em Sab 26 Nov 2016 - 17:17

Nadine via a situação piorar cada vez mais.

"Índios agora! O que mais falta dar errado?"

E a doida da Hellen queria falar com eles ainda.

Nadine não deixou.

- Fica pra trás, Hellen! Eu vou tentar falar com os garous, pra eles segurarem os indios. Se eles nos atacarem, não vamos ter chance.

Nadine uivou um uivo de apresentação, acrescentando que estavam em paz.


*Ações*
- Falas
"Pensamentos"
avatar
Natalie
Filhos de Gaia
Filhos de Gaia

Mensagens : 790
Data de inscrição : 15/04/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Diligência de Chicago

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 3 Anterior  1, 2, 3

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum